Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Blockchain

Grupo que roubou R$132 milhões em Bitcoins doava carros a estranhos

Grupo de ladrões da cidade de Preston, no Reino Unido, foi condenado à prisão pelo roubo de 21 milhões de libras em criptomoedas.

Um grupo de 4 pessoas envolvidas em um roubo de £21 milhões de libras de uma exchange australiana foram condenadas a penas entre 4 anos e meio e 6 anos de prisão.

O grupo, preso no condado de Lancashire, uma região no Noroente da Grã-Bretanha próxima à Manchester e Liverpool, descobriu em 2017 um bug em uma corretora de criptomoedas da Austrália que permitia sacar bitcoins de maneira “indefinida”.

Segundo a BBC, o grupo foi condenado por fraude, além de formação de quadrilha. Eles teriam atuado entre outubro de 2017 e janeiro de 2018, sacando o equivalente a 21 milhões de libras esterlinas em Bitcoin, ou R$132 milhões na cotação atual.

O grupo era formado por Stephen Boys, Kelly Caton, Jordan Robinson e James Austin-Beddoes.

O grupo trabalhava com James Parker, que faleceu em 2021. Parker foi o responsável pela descoberta do loophole que permitia os saques. 

As condenações a penas consideradas pequenas, ocorreram justamente pelos 4 membros do grupo ainda vivos terem atuado como receptadores dos recursos roubados. 

Durante a investigação conjunta entre autoridades do Reino Unido, Austrália e Finlândia, foi possível recuperar o equivalente a £22 milhões em Bitcoin (455), além de milhões em imóveis, relógios e contas bancárias.

Além da falha evidente da exchange, o crime chama atenção pela maneira como o grupo agiu em seguida.

Investigadores do caso contam que com tamanha riqueza, os ladrões não sabiam com o que gastar, chegando em determinado momento a distribuir carros novos ou vales de £30 mil para estranhos no bar ou nas ruas da cidade de Preston.

Jonathan Kelleher, da CPS (A promotoria do Reino Unido), frisou que os criminosos agiram do conforto de suas casas para roubar milhões em ativos que não pertenciam a eles.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Nada vai fazer o Bitcoin parar, diz Michael Saylor. Entenda a tese da ‘alta infinita’ Antonio Ais, ‘Toin’ da Braiscompany, é preso na Argentina Bitcoin decola 50% em fevereiro. Ainda vale a pena comprar? BlackRock, maior gestora do mundo, começa a oferecer ETF de Bitcoin na B3 Crise diplomática com Israel impacta FAB, agro e energia no Brasil
Nada vai fazer o Bitcoin parar, diz Michael Saylor. Entenda a tese da ‘alta infinita’ Antonio Ais, ‘Toin’ da Braiscompany, é preso na Argentina Bitcoin decola 50% em fevereiro. Ainda vale a pena comprar? BlackRock, maior gestora do mundo, começa a oferecer ETF de Bitcoin na B3 Crise diplomática com Israel impacta FAB, agro e energia no Brasil