Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Investimentos

Shein prepara IPO nos Estados Unidos, diz WSJ

Ademais, a Shein planeja aumentar seu faturamento anual de US$ 22,7 bilhões para US$ 58,5 bilhões até 2025.

A Shein, gigante do fast-fashion, deu entrada em um pedido confidencial de abertura de capital nos Estados Unidos, conforme reportagem do Wall Street Journal (WSJ). A empresa espera alcançar uma avaliação de aproximadamente US$ 90 bilhões, o que corresponde a cerca de R$ 450 bilhões. Atualmente, a empresa está realizando um arquivamento confidencial, o que é comum para permitir comunicações e ajustes necessários com a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC).

Espera-se que nos próximos meses, a Shein faça modificações em sua documentação e responda a várias questões da SEC, tornando o pedido público quando estiver pronta para prosseguir com o IPO. Desse modo, está trabalhando com bancos de investimento para uma possível oferta inicial de ações (IPO). Entre os bancos envolvidos estão o Goldman Sachs, o JPMorgan Chase e o Morgan Stanley, que coordenarão a oferta prevista para 2024.

Shein nos EUA

Em maio, avaliou-se a Shein em mais de US$ 60 bilhões. E pode se tornar a empresa mais valiosa fundada na China a abrir capital nos EUA desde a Didi Global em 2021. Que na época foi avaliada em US$ 68 bilhões.

A empresa foi anteriormente avaliada em US$ 100 bilhões em abril de 2022. Ademais, a Shein planeja aumentar seu faturamento anual de US$ 22,7 bilhões para US$ 58,5 bilhões até 2025. Vale ressaltar que, se confirmada, a listagem da Shein seria uma das maiores da última década. Desse modo, potencialmente revitalizando o mercado de IPOs, que teve desempenhos fracos nos últimos dois anos.

A popularidade do modelo fast-fashion nos EUA tem crescido, especialmente com a parceria da Shein com o SPARC Group, uma joint venture entre a proprietária da Forever 21, Authentic Brands, e a operadora de shopping centers Simon Property. Além disso, a Shein e seus rivais buscam expandir seu alcance de mercado nos Estados Unidos. O maior IPO de 2023 foi o da Arm Holdings, uma desenvolvedora de chips britânica, que arrecadou 55 bilhões em sua estreia na bolsa americana.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Crise diplomática com Israel impacta FAB, agro e energia no Brasil Aos 85 anos, Abílio Diniz ainda inovava e apostou em cripto Apple bloqueia pornografia em Vision Pro e usuários ficam irritadíssimos Analistas aumentam estimativa de lucro do Nubank em 4x e banco sugere “calma” Terceiro homem mais rico do México tem 60% do patrimônio líquido em Bitcoin