Blockchain

ApeCoin já vale mais que Stone e Banco Inter somados

Lançada no último mês, a criptomoeda do universo dos Bored Ape Yatch Club (BAYC) já conta com uma capitalização superior a de empresas brasileiras.

A Yuga Labs, startup que está por trás do projeto NFT Bored Ape Yacht Club (BAYC), lançou no último mês o ApeCoin, uma criptomoeda baseada nos projetos desenvolvidos em conjunto com a coleção de NFTs.

Desenvolvido em parceria com a ApeCoin DAO, ele faz parte de um novo jogo play-to-earn que deve ser lançado ainda neste ano. 

O token tem uma oferta total de 1 bilhão de unidades, sendo 62% desse montante destinado à comunidade da DAO.

Herdando a grande popularidade da coleção, o token foi listado simultaneamente em grandes exchanges logo após seu lançamento, impulsionando sua adoção dentro da comunidade.

No mesmo dia de sua listagem, exchanges como FTX, Coinbase, Binance e Mercado Bitcoin já negociavam livremente o ativo.

Com isso, 41 dias após seu lançamento, o token já conta com uma capitalização de mercado superior a $5,8 bilhões, número que excede o tamanho de grandes empresas brasileiras.

O token ApeCoin da Bored Ape é maior que a soma de empresas como Banco Inter e a Stone, que possuem capitalizações de respectivamente $2,93 bilhões e $2,71 bilhões, resultando em uma vantagem de $240 milhões para o projeto recém-lançado.

Capitalização das ‘NFTs de macacos’ cresceu 50% no início do ano

No começo de janeiro os NFTs de macacos da coleção ‘Bored Ape Yacht Club’ (BAYC) atingiram um total de $1 bilhão em total de vendas, com notáveis celebridades adquirindo os tokens e alavancando a popularidade da coleção que conta com exatas 10 mil peças.

Ontem (20), a celebridade da vez que ingressou no no mundo das NFTs de macacos foi o camisa 10 do Paris Saint Germain, Neymar Jr, que junto com os companheiros de elenco Marco Verratti e Leandro Paredes, adquiriram 2 NFTs avaliadas em R$6 milhões.

Com isso, eles se juntam a nomes como Eminem, Post Malone, Stephen Curry e Snoop Dogg, que já adquiriram seus próprios tokens. Ao todo existem 10.000 unidades de macacos personalizados da coleção, que tem um custo mínimo de 71 ether, cerca de $267 mil.

Em retrospecto, o custo médio de uma NFT da coleção cresceu 2000% desde Julho, e apenas nos últimos 30 dias, a capitalização em ETH da coleção cresceu em quase 50%.

Leia o restante da matéria clicando aqui.

Notícias relacionadas

Quer aprender a investir em criptoativos na bolsa, de forma prática e inteligente? Nós preparamos um curso gratuito com o passo a passo. Clique aqui para acessar.
O YouTuber que foi dono de $620 bilhões por 7 minutos A gestora de $12,5 bilhões que quebrou por causa de um meme Petrobras pagou 15x mais ao governo do que a acionista minoritários Investimento de $1,6 bilhão da Binance vira $3 mil em 1 semana Os times que mais gastaram nessa janela de transferência