Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Notícias

VPN, X e Alexandre de Moraes: o movimentado final de semana de Elon Musk

Nas últimas 48 horas, Musk fez várias postagens criticando Alexandre de Moraes, e pede a renúncia ou o impeachment do juiz.

Elon Musk, dono do X (antigo Twitter), comprou briga com Alexandre de Moraes, ministro do Supremo Tribunal de Justiça, durante este final de semana. Desse modo, o resultado pode ser o bloqueio iminente da rede social para os brasileiros.

Nas últimas 48 horas, Musk fez várias postagens criticando Alexandre de Moraes. Desse modo, o empresário pede a renúncia ou o impeachment do juiz. Ele alega que suas exigências para a plataforma “violam a legislação brasileira”.

Faça parte da Comunidade BLOCKTRENDS PRO e lucre em cripto com relatórios semanais, análises diárias, sinais e lives exclusivas.

Por exemplo, no sábado (6), Musk anunciou que iria liberar a plataforma de todas as restrições impostas pela justiça brasileira. Como a liberação de contas na rede social que haviam sido bloqueadas por decisões judiciais.

Além disso, Musk argumenta que as “multas pesadas” impostas pelo ministro estão prejudicando as receitas da rede social no Brasil, ameaçando fechar o escritório do X no país.

Em breve, a empresa planeja publicar tudo que o ministro exige, e demonstrar como os pedidos desrespeitam a legislação brasileira. Musk acusa o juiz de trair a constituição e o povo brasileiro, defendendo sua renúncia ou impeachment.

Twitter Files Brazil

As declarações de Musk surgem após a divulgação do “Twitter Files Brazil”. A denúncia expõe supostos documentos internos do Twitter mostrando parcialidade nos conteúdos impulsionados pela rede.

O primeiro conjunto de relatórios foi divulgado no final de 2022 pelo jornalista Matt Taibbi. O documento revela e-mails internos da empresa sobre a decisão de suprimir uma história do New York Post de 2020. Embora as alegações nunca tenham sido comprovadas.

Na última quarta-feira (3), o jornalista Michael Shellenberger criticou Moraes em postagens que fazem parte do “Twitter Files Brazil”. As postagens são baseadas em prints de e-mails que seriam de um ex-executivo do Twitter.

Elon Musk acusa o ministro Alexandre de Moraes de exigir que o X revelasse detalhes pessoais de usuários e censurasse postagens de parlamentares brasileiros, além de tentar usar as políticas de moderação de conteúdo da rede social contra apoiadores de Jair Bolsonaro.

Assim, na noite de domingo (7), o CEO da Tesla recomendou em uma publicação na plataforma que os usuários utilizem uma VPN (Virtual Private Network – Rede Privada Virtual) para acessar a rede social, caso ordens judiciais bloqueiem seu acesso no Brasil.

A VPN permite a navegação na internet sem que o provedor de acesso identifique o país de origem da conexão. Assim, mesmo que o acesso ao antigo Twitter seja restrito pelas operadoras brasileiras, os usuários poderão acessar o X por meio de uma VPN.

O que esperar agora?

Ademais, a filial brasileira do X aguarda instruções da sede nos Estados Unidos sobre como proceder juridicamente em relação às decisões recentes de Moraes, estudando alternativas como quebrar o sigilo das medidas, descumprir as decisões ou entrar na Justiça.

Em resposta às ações de Musk, o ministro Alexandre de Moraes abriu um inquérito contra ele e determinou uma multa diária de R$ 100 mil por perfil desbloqueado caso a plataforma não respeite as medidas judiciais. Moraes também incluiu Musk como investigado em um inquérito existente sobre milícias digitais.

Ministros do STF veem as publicações de Musk como um sinal de desconforto com as regras impostas pela justiça brasileira ao uso das redes sociais nas eleições deste ano. Desse modo, indicando que todas as plataformas estarão sujeitas a um controle mais rigoroso de postagem e impulsionamento no período eleitoral.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Trader faz US$ 6.500 virar US$ 5,6 milhões com criptomoedas meme do Trump após ele falar bem do mercado “O único defensor do livre mercado no mundo é bizarramente da Argentina”, diz ex-gestor de George Soros Instituto mobiliza BTG e Starlink, de Musk, para garantir internet em meio a enchentes no RS Bybit começa a oferecer renda passiva em dólar descentralizado Baleia de Bitcoin acorda após 10 anos e move US$43,9 milhões que comprou por US$2 dólares