Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Blockchain

Protocolo do Bitcoin roda com apenas 40-60 devs indica estudo

Protocolo que roda há 14 anos sem falha continua a ser aprimorado por apenas algumas dezenas de desenvolvedores.

As demissões massivas no Twitter promovidas por Elon Musk movimentaram as redes sociais no último mês de novembro. Estima-se que 75% dos funcionários da rede social tenham sido demitidos, levando a pergunta sobre quantos funcionários são de fato necessários para se manter uma empresa de tecnologia.

Ao longo da última década, não foram poucos os exemplos similares para levantar essa questão. Um estudo promovido pelo professor da NYU, Scott Galloway, comparou o número de desenvolvedores em relação ao total de funcionários de empresas de tecnologia. O que Scott primeiro notou foi que, em casos como o WeWork, a firma de aluguel de escritórios compartilhados que chegou a valer US$40 bilhões ao se vender como empresa de tecnologia, o que menos havia eram funcionários ligados a essa área.

Faça parte da Comunidade BLOCKTRENDS PRO e lucre em cripto com relatórios semanais, análises diárias, sinais e lives exclusivas.

Os departamentos de marketing e vendas se tornaram dominantes em relação ao total, com os devs ficando muitas vezes em segundo plano. 

No Brasil, empresas de tecnologia ainda enfrentam um outro problema, o do déficit de desenvolvedores. Estima-se que por aqui tenhamos um déficit anual de 159 mil pessoas em áreas como tecnologia da informação e desenvolvedores de software. 

Em uma área, porém, o número de devs não parece ser um problema. O Bitcoin.

Um estudo do New York Digital Investiment Group (NYDIG), apontou que o protocolo do Bitcoin roda hoje com cerca de 40 a 60 desenvolvedores dedicados. Trata-se de um número significativamente baixo em relação ao valor de mercado do Bitcoin, na casa dos US$320 bilhões (R$1,66 trilhão).

O objetivo do relatório é entender o ciclo de desenvolvimento do Bitcoin, apontando o estágio de maturidade da rede com a baixa demanda por desenvolvedores. Como aponta o relatório, o Bitcoin roda há 14 anos sem problemas, bugs ou interrupções. 

Criado por Satoshi Nakamoto, o Bitcoin se tornou um projeto colaborativo em 2010, quando o próprio Satoshi deu a Gavin Andresen a chave do projeto. Andresen, por sua vez, subiu o projeto do Bitcoin no GitHub, por onde é possível ter acesso a todo código e propor melhorias. 

O estudo da NYDIG também aponta que o número de desenvolvedores vem crescendo, apesar de continuar ainda extremamente baixo. Por meio do Github, é possível notar que os colaboradores vêm de ao menos 20 países diferentes. 

Em julho deste ano, como lembrou Jameson Loop, o Bitcoin ganhou também sua primeira desenvolvedora mulher (ao que se sabe, já que outros desenvolvedores não tem sua identidade conhecida). 

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Ancord e BlockTrends lançam primeira Certificação em Criptoativos do Mercado Financeiro e de Capitais Donald Trump Agora Possui US$ 30 Milhões em Memecoins DOG é listada na Bybit e atinge máxima histórica pelo segundo dia consecutivo DOG, memecoin no Bitcoin, atinge nova máxima histórica Investidor lucra mais de US$180 mil (154.724%) com bug de Berkshire Hathaway