Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Notícias

IA vai cortar custos de animação em 90%, diz co-fundador da DreamWorks

“Nos bons velhos tempos, você poderia precisar de 500 artistas e anos para fazer um filme animado de classe mundial. Eu não acho que levará 10% disso daqui a três anos”, diz.

Jeffrey Katzenberg, executivo de longa data da indústria, afirmou que a inteligência artificial (IA) reduzirá drasticamente o custo de criação de filmes animados de grande sucesso. “Não conheço uma indústria que será mais impactada do que qualquer aspecto da mídia, entretenimento e criação”, disse Katzenberg. Nesse sentido, as afirmações foram feitas em um painel de discussão no Fórum Nova Economia da Bloomberg.

“Nos bons velhos tempos, você poderia precisar de 500 artistas e anos para fazer um filme animado de classe mundial. Eu não acho que levará 10% disso daqui a três anos.”

Entre na comunidade BLOCKTRENDS PRO com 15% OFF e receba +20 cursos, análises diárias, relatórios semanais, lives e mais.

Katzenberg ganhou destaque como executivo de produção no estúdio de cinema da Walt Disney Co. Entretanto, antes de se juntar ao cineasta Steven Spielberg e ao executivo de Hollywood David Geffen para co-fundar a DreamWorks. Ele disse que a adoção da IA acelerará a transformação digital da indústria de entretenimento em um fator de 10.

Ademais, juntando-se a Katzenberg no fórum em Singapura, outros líderes empresariais globais abordaram como as tecnologias emergentes de inteligência artifical mudarão a maneira como vivemos e trabalhamos.

O problema de dados

Sara Menker, fundadora e CEO da GRO Intelligence, disse que o aprendizado de máquina está ajudando a prever a demanda, oferta e preço de todas as commodities agrícolas globalmente. Além disso, também auxilia na extração de insights de grandes conjuntos de dados e na melhoria da avaliação de riscos.

No entanto, ela também destacou o problema crescente de ter muitos modelos: existem 2,9 milhões de modelos apenas dentro de seu setor. Já Kai-Fu Lee, veterano de quatro décadas no desenvolvimento de sistemas de IA, também expressou cautela sobre as armadilhas da IA.

Segundo Lee, “o que vimos com a Cambridge Analytica há alguns anos agora está em esteroides”. Nesse sentido, ele referia-se aos volumes de dados de usuários do Facebook colhidos pela agora extinta empresa. Ainda assim, Lee argumenta que a regulamentação deve ser medida para não sufocar a inovação.

Bob Moritz, presidente global da PwC, destacou que o treinamento e a compreensão necessários não corresponderam ao entusiasmo em torno da IA como uma “nova coisa brilhante e reluzente”.

“Temos um enorme desafio agora diante de nós que. Se você for tão longe, tão rápido sem a reengenharia do trabalho, na verdade temos um grande descompasso, que está criando mais problemas sociais”, disse Moritz. “Isso vai ser problemático, especialmente entrando em uma economia em desaceleração.”

inteligência artificial guerra nuclear IA
(Imagem: Bing AI Image Creator)

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Mt. Gox move mais de US$ 9 Bilhões em Bitcoin após 6 Anos Donald Trump vira bitcoiner e quer conceder perdão presidencial ao criador da Silk Road Trader compra US$ 1,1 milhão em memecoin, e agora tem US$ 150 Elon Musk cria US$ 30 bilhões do nada com IA do Twitter Trader faz US$ 6.500 virar US$ 5,6 milhões com criptomoedas meme do Trump após ele falar bem do mercado