Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Economia

EUA voltou a ligar a impressora após 1 ano, e quem valoriza é Bitcoin

Entre 2020 e 2022 a M2 também estava nas alturas. O pico aconteceu em 2021, e junto da expansão monetária houve a máxima histórica do Bitcoin no mesmo ano.

Os Estados Unidos voltaram a ligar a impressora de dinheiro, conforme dados oficiais do FRED. Pela primeira vez desde o final de 2022, a base monetária (M2) dos EUA está apontando um saldo positivo, e quem pode beneficiar-se em preço é o Bitcoin (BTC). A base monetária de um país quantifica a quantidade de dinheiro em circulação, e pode servir para metrificar sentimentos de mercado e da macroeconomia.

O final de 2022 freou a impressão de dinheiro dos EUA. O movimento ocorreu devido à alta inflação que a pandemia trouxe nos anos anteriores. Portanto, entre 2020 e 2022 a M2 também estava nas alturas. O pico aconteceu em 2021, e junto da expansão monetária houve a máxima histórica do Bitcoin no mesmo ano, interrompida logo depois pela queda da FTX.

Portanto, especialistas ainda mostram a tese por trás de como que, historicamente, a expansão da base monetária dos EUA traz grandes valorizações ao Bitcoin. A tese tem reforço na comparação com DXY (dólar versus cesta de moedas globais).

Apesar de não serem fortemente correlacionados o tempo todo, os pontos de inflexão no DXY normalmente levam a pontos de inflexão no ciclo do mercado Bitcoin. Isso porque, naturalmente quando o M2 sobe, o dólar americano mais fraco, o que pode levar à valorização do Bitcoin.

Além disso, com mais dinheiro circulando no país, os investidores tendem a ter um maior apetite pelo risco. O Bitcoin ainda é visto por investidores mais tradicionais como um ativo bastante arriscado, similar às ações de tecnologia.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Trader faz US$ 6.500 virar US$ 5,6 milhões com criptomoedas meme do Trump após ele falar bem do mercado “O único defensor do livre mercado no mundo é bizarramente da Argentina”, diz ex-gestor de George Soros Instituto mobiliza BTG e Starlink, de Musk, para garantir internet em meio a enchentes no RS Bybit começa a oferecer renda passiva em dólar descentralizado Baleia de Bitcoin acorda após 10 anos e move US$43,9 milhões que comprou por US$2 dólares