Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Economia

Correios anunciam greve para ‘comemorar’ Black Friday

Grevistas reivindicam concurso público, melhorias no plano de saúde, melhores condições de trabalho e correção da tabela salarial, com um aumento de R$ 250 para remunerações de até 7 mil e um ajuste de 3,53% para remunerações acima desse valor.

A Federação Interestadual dos Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios (FINDECT) convocou uma greve a partir desta quinta-feira (23), para “comemorar” a Black Friday. A paralisação terá tempo indeterminado. Os participantes serão os funcionários filiados aos sindicatos de São Paulo, Rio de Janeiro, Tocantins e Maranhão.

Conforme o comunicado à imprensa, a greve é motivada pela recusa da direção dos Correios em ajustar cláusulas do acordo coletivo enviado no dia 27 de setembro. O Sintect-SP afirma que a luta visa corrigir inconsistências que a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) deixou no texto do Acordo Coletivo 2023-2024.

Reivindicações

Os grevistas reivindicam concurso público, melhorias no plano de saúde, melhores condições de trabalho e correção da tabela salarial, com um aumento de R$ 250 para remunerações de até 7 mil e um ajuste de 3,53% para remunerações acima desse valor.

“Um ponto crucial é a não incorporação de R$ 250 ao salário base. Uma afronta direta aos trabalhadores e contradiz o que foi negociado na mesa de negociação coletiva. A proposta de pagamento desse montante em “steps” não apresenta benefícios concretos e coloca em risco a estabilidade financeira da categoria”, afirmam em comunicado à imprensa.

As informações foram divulgadas pela Findect (Federação Interestadual dos Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios). Ademais, também protestam contra a “iminente tributação sobre a bonificação de R$ 1.500 em janeiro”.

Segundo dizem, representa um sério risco de redução substancial dessa bonificação. Desse modo, agravando os prejuízos para os trabalhadores “já sujeitos a descontos abusivos.”

“Nos últimos 50 dias, a Federação buscou incansavelmente o diálogo com a direção da empresa para corrigir as 26 inconsistências identificadas antes da assinatura do acordo coletivo. Infelizmente, a resposta da direção, presidida por Fabiano Silva, foi inerte e, por vezes, parecia pertencer a um mundo onírico, alinhando-se a uma política que prejudica nossa categoria. Durante esse período de negociação, ficou evidente que algumas direções sindicais aprovaram o acordo sem analisar minuciosamente seu conteúdo, permitindo que 26 inconsistências persistissem”, afirmam.

A mobilização organizada dará início a partir das 22h, e, segundo o próprio comunicado de imprensa da entidade, “chama a atenção pois ocorre em uma das datas mais importantes para o varejo mundial”.

Greve dos Correios vai afetar Black Friday?

Contudo, o representante ainda afirma que será uma paralisação geral. Isso inclui áreas importantes, como a parte operacional e de logística. Setores com trabalhadores terceirizados iniciaram a greve ainda na tarde de quinta-feira (22).

Os Correios, em nota, informaram que suas unidades operam normalmente e sem paralisação. A empresa também planeja implementar uma série de medidas para assegurar a normalidade dos serviços nos próximos dias.

Além disso, ela descreve a greve como ‘parcial e pontual’. O comunicado ressalta ainda que a companhia concederá um aumento linear de R$ 250 para a maioria dos colaboradores a partir de 2024. O que representa um aumento médio de 6,86% para mais de 71 mil funcionários.

No entanto, presume-se que os envios de produtos vendidos na Black Friday sofrerão impactos. Consequentemente, os prazos de entrega deverão se estender por um período mais longo do que o habitual durante as promoções no comércio eletrônico.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Crise diplomática com Israel impacta FAB, agro e energia no Brasil Aos 85 anos, Abílio Diniz ainda inovava e apostou em cripto Apple bloqueia pornografia em Vision Pro e usuários ficam irritadíssimos Analistas aumentam estimativa de lucro do Nubank em 4x e banco sugere “calma” Terceiro homem mais rico do México tem 60% do patrimônio líquido em Bitcoin