Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Investimentos

CEO da Braiscompany reclama de funcionários que “só pensam em dinheiro”

Em áudio vazado, CEO da companhia de locação de ativos em cripto Braiscompany, menciona que momento é de saber quem acredita nos valores e quem só se interessa pelo dinheiro.

Em meio a cobrança de pagamentos por clientes, o CEO da companhia paraibana Braiscompany, conhecida por locar criptoativos de investidores, encaminhou um áudio em um grupo de colaboradores da empresa.

No áudio, Antônio Neto Ais alega que a empresa está sofrendo perseguição por parte do sistema financeiro, além da corretora Binance que estaria travando saques.

Mais cedo nesta semana, a “Brais”, passou a exigir de clientes uma espécie de KYC (know your customer na sigla em inglês), demandando que os clientes comprovem a origem dos recursos investidos na empresa.

Com um histórico de discussões com nomes, e siglas, do mercado financeiro, a Braiscompany é uma das companhias a quem o fundador da Suno Research atribui o título de “pirâmide financeira”. Tiago Reis chega a ser mencionado no áudio de Antônio Ais, que comenta o fato de a empresa ter continuado de pé apesar da perseguição do analista.

Ais também menciona que inúmeros rumores sobre a empresa já foram levantados em outras ocasiões, mas que ele continua focado em entregar resultados, devendo nos próximos dias anunciar mais detalhes sobre os saldos da companhia, bem como formas de pagamento. 

Há cerca de 3 semanas, quando surgiram os primeiros comentários de clientes nas redes sociais da empresa, a companhia alegou que estava realizando mudanças em seu app, que ocorreriam na última semana do ano. A empresa teria chegado a desativar comentários em redes sociais.

Também neste período, em uma Live realizada pelo CEO da empresa, a Ais menciona que determinados clientes erraram em substituir sua hash, permanecendo em exchanges como FTX. A falência da empresa teria gerado problemas de pagamentos em novembro.

A empresa aponta em seu site os balanços financeiros de 2020-2021 onde alega ter tido lucros da ordem de R$6,8 e R$5,6 milhões respectivamente, com um aumento do capital social no mesmo período de R$25 milhões para R$40 milhões. 

No mesmo período, os contratos de locação da empresa subiram de R$39 milhões para R$169,36 milhões. Não há dados disponíveis sobre 2022 ainda.

Entre os detalhes do áudio motivacional, porém, há uma fala de Ais onde instiga os consultores da empresa a continuarem prestando suporte Ais clientes e a fechar novos contratos. Segundo ele, o momento de fragilidade da empresa serve para apontar quem está na companhia em função dos valores, que ajudariam a manter milhares de famílias, e quem está apenas em busca de benefícios e para agir como um “sanguessuga” em busca de dinheiro.

O áudio pode ser acessado aqui, publicado pelo portal Livecoins.

Procurada pelo Blocktrends, a Binance comenta que atua em total acordo com as autoridades regulatórias brasileiras, não exigindo quaisquer documentos além daqueles contidos nos termos de uso.

A empresa menciona ainda que tem buscado prover educação ao mercado e autoridades da área, realizando cursos e eventos para municiar as autoridades competentes, como a Polícia Federal e o Ministério Público de capacidade analítica no setor de criptoativos, além de possuir o mais robusto sistema de compliance do setor de fintechs.

A empresa menciona por fim que conta com parceiros externos como a Chainalysis para evitar agentes que utilizem sua plataforma de forma maliciosa. A Chainalysis é uma empresa conhecida por colaborar com o FBI e o IRS, a Receita Federal americana.

Também procurada pelo Blocktrends em busca de esclarecimentos sobre seu modelo de negócios, a Braiscompany não retornou nossa comunicação. 

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Crise diplomática com Israel impacta FAB, agro e energia no Brasil Aos 85 anos, Abílio Diniz ainda inovava e apostou em cripto Apple bloqueia pornografia em Vision Pro e usuários ficam irritadíssimos Analistas aumentam estimativa de lucro do Nubank em 4x e banco sugere “calma” Terceiro homem mais rico do México tem 60% do patrimônio líquido em Bitcoin
Crise diplomática com Israel impacta FAB, agro e energia no Brasil Aos 85 anos, Abílio Diniz ainda inovava e apostou em cripto Apple bloqueia pornografia em Vision Pro e usuários ficam irritadíssimos Analistas aumentam estimativa de lucro do Nubank em 4x e banco sugere “calma” Terceiro homem mais rico do México tem 60% do patrimônio líquido em Bitcoin