Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Economia

Nova recessão global pode ser provocada por banco suíço

Credit Suisse perdeu US$ 10 bilhões em valor de mercado e teve prejuízo de US$ 15 bilhões no ano passado.

Uma nova recessão global pode devastar a economia. Analistas apontam que a falência do banco suíço Credit Suisse deve provocar uma onda de instabilidade econômica em todo o mundo.

Dessa forma, uma nova crise global repetiria o que aconteceu em 2008, quando o crash do Lehman Brothers provocou uma recessão que atingiu praticamente toda a economia.

Faça parte da Comunidade BLOCKTRENDS PRO e lucre em cripto com relatórios semanais, análises diárias, sinais e lives exclusivas.

O Credit Suisse é considerado um dos bancos mais credíveis do mundo. No entanto, problemas com a instituição financeira acenderam um alerta no mercado recentemente.

Bancos podem causar nova recessão


Segundo a Reuters, o banco enfrenta dificuldades para acalmar os ânimos dos investidores. Sediado em Zurique, na Suíça, o Credit Suisse apresenta indícios de uma crise de liquidez, além de dificuldades em manter sua posição de capital de risco.

Somente em 2022, o Credit Suisse perdeu US$ 10 bilhões em valor de mercado. Sendo assim, as ações da instituição despencaram de US$ 26,85 para US$ 10,64 nos últimos meses.

Por outro lado, o derivativo que mede o risco da empresa teve uma grande variação de preço no mesmo período. Com o alto valor do derivativo CDS, o índice atingiu preços que não eram praticados desde 2008.

Ou seja, com a elevação de risco da instituição suíça, os investidores buscam maiores retornos antes de aplicar fundos no Credit Suisse. Um recente relatório alega o “momento crítico” que a empresa enfrenta. Em 2021, a empresa teve um prejuízo de quase US$ 15 bilhões.

Embora tenha liquidez suficiente para manter o negócio e um robusto capital, o Credit Suisse confirmou que enfrenta desafios financeiros no relatório divulgado na última sexta-feira (30).

Para alguns analistas de Wall Street, a instituição suíça precisa levantar recursos para manter os negócios. No total, o Credit Suisse precisaria de US$ 6 bilhões em investimentos.

Além do Credit Suisse, o Deutsche Bank também enfrenta problemas. Somente nos últimos doze meses, as ações do banco alemão despencaram 40% no mercado financeiro.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas