Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Notícias

Wandinha chega a 1.2 bilhões de horas assistidas, garantindo nova temporada

A plataforma de streaming mostra que continua com força para lançar tendências no mercado audiovisual, apesar da estagnação de assinantes.

O ano de 2022 não foi nada fácil para a Netflix, cujas ações desabaram 47%, levando a uma perda de US$140 bilhões em valor de mercado. 

O caso ganha ainda maior repercussão ao se notar que as ações do streaming foram as campeãs em valorização na última década, com uma alta de 6500% desde que a empresa migrou para uma rota de produções próprias.

O ano também contou com US$18 bilhões em gastos com conteúdos, um recorde histórico para a empresa, que em 2011 investiu cerca de US$1 bilhão na área.

O crescimento da Netflix, porém, esbarrou nas possibilidades reais e no orçamento de americanos e europeus, que em meio a pressão inflacionária, diminuíram gastos com serviços streamings. Além, claro, de um recorde generalizado de gastos em conteúdos audiovisuais, que se estima terem atingidos US$230 bilhões em 2022.

O último trimestre, porém, mostrou que a empresa ainda possui bala na agulha para disputar o produto mais escasso existente: a atenção do público. 

A série Wednesday, ou “Wandinha” no Brasil, representa um spin-off da conhecida família Addams. 

Em seus 28 primeiros dias, a série tornou-se a segunda mais vista da história da plataforma, com 1.27 bilhões de horas assistidas, atrás apenas de Stranger Things, com 1.38 bilhão de horas.

Outra série lançada em 2022, a que narra a vida do serial killer americano Jeffrey Dahmer, ocupa o terceiro lugar da lista, com 870 milhões de horas nas 4 primeiras semanas de exibição. 

O sucesso da série levou a plataforma a se adiantar em anunciar a segunda temporada, por meio de um vídeo contendo um recap da primeira temporada. 

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Crise diplomática com Israel impacta FAB, agro e energia no Brasil Aos 85 anos, Abílio Diniz ainda inovava e apostou em cripto Apple bloqueia pornografia em Vision Pro e usuários ficam irritadíssimos Analistas aumentam estimativa de lucro do Nubank em 4x e banco sugere “calma” Terceiro homem mais rico do México tem 60% do patrimônio líquido em Bitcoin