Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Blockchain

Hacker rouba R$16 milhões em criptomoedas, mas perde tudo logo em seguida

O hacker realmente roubou 1.577 Ether do protocolo Raft. No entanto, em um movimento desesperado para esconder o rastro dos fundos, ele os transferiu para um endereço incorreto.

Nem todo hacker acaba tendo sucesso, ou mesmo é um mestre do crime. A prova disso foi na última sexta-feira (10) quando um hacker, tentou roubar US$ 3 milhões do protocolo de finanças descentralizadas Raft. Contudo, o iniciante, ao estilo “trapalhões” acabou cometendo um erro crítico que resultou na perda total do valor roubado.

O hacker realmente roubou 1.577 Ether do protocolo Raft. No entanto, em um movimento desesperado para esconder o rastro dos fundos, ele os transferiu para um endereço incorreto, ou seja, um endereço que não era o dele. E ainda piora.

Embarque em mais de 150 horas de conteúdo exclusivo sobre o universo das criptomoedas e blockchain na Plataforma BlockTrends.

Desse modo, ele transformou os fundos em inacessíveis permanentemente. De forma mais específica, o hacker enviou as criptomoedas para uma carteira de queima, ao invés de transferi-las para seu próprio endereço. O erro saiu caro, mais precisamente uma fortuna de US$ 3,3 milhões, aproximadamente R$ 16 milhões.

A história do hacker se torna ainda mais curiosa ao descobrir que ele havia recebido cerca de 18 ethers do Mixer Tornado Cash. Assim sugerindo que ele perdeu mais dinheiro do que o inicialmente roubado para financiar sua operação. No final, o hacker ficou com apenas 14 ETH em sua carteira, implicando uma perda líquida de cerca de 1597 ETH.

Portanto, o hacker acabou virando piada dentro da comunidade cripto, digno de reações e comentários na comunidade de criptomoedas. Alguns brincaram que poderia ser apenas um adolescente iniciando sua carreira no mundo do cibercrime. “Hacker de 10 anos, começando de algum lugar”, comentou um usuário no Twitter.

Protocolo sofre impacto de Hacker trapalhão

Enquanto isso, o protocolo Raft sofreu um duro golpe. Os US$ 3,3 milhões em Ether perdidos afetaram diretamente a estabilidade de sua stablecoin nativa, a Raft (R). Após o incidente, o valor do token despencou, perdendo 95% de seu valor e sendo cotado a apenas US$0,08 por unidade.

A equipe Raft tentou implementar medidas de emergência para mitigar o incidente e salvar o token R, mas suas tentativas foram em vão, levando a comunidade a liquidar seus ativos para minimizar perdas.

A equipe da Raft declarou que está trabalhando para reembolsar os usuários afetados. O projeto opera como uma plataforma de empréstimo DeFi, emitindo a stablecoin R lastreada por derivativos de Ethereum, como o stETH do Lido.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Zicou? Faria Lima terá estátua em homenagem a Satoshi Nakamoto Pós-Halving, comprar um pão em Bitcoin custa R$660? Pela primeira vez em 15 anos, todos bilionários com menos de 30 anos são herdeiros. E isso é ótimo para o Bitcoin Alguém lembrou de 50 centavos em BTC guardados em 2010. Agora valem US$3,3 milhões Por que o Bitcoin está caindo tanto nesta sexta-feira (12)