Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Blockchain

ETFs de Bitcoin recém aprovados ultrapassam 150.000 BTC acumulados

BlackRock e Fidelity permanecem crescendo suas reservas de Bitcoin em seus ETFs, contando com quase US$5 bilhões sob gestão.

Os nove novos fundos negociados em bolsa (ETFs) de Bitcoin à vista acumularam mais de 150.000 BTC (aproximadamente US$6,5 bilhões) sob gestão. Entretanto, este cálculo exclui o fundo convertido da Grayscale, GBTC. Estes ETFs incluem BlackRock (IBIT), Fidelity (FBTC), Bitwise (BITB), Ark 21Shares (ARKB), Invesco (BTCO), VanEck (HODL), Valkyrie (BRRR), Franklin Templeton (EZBC) e WisdomTree (BTCW).

Desde o lançamento em 11 de janeiro, os novos ETFs de Bitcoin à vista viram um aumento significativo em suas reservas. Desse modo, alcançando 150.482 BTC em 30 de janeiro, um aumento considerável em relação aos 108.908 BTC em 22 de janeiro e 47.652 BTC em 16 de janeiro. Este crescimento exclui o GBTC, que viu o valor de seus ativos sob gestão cair em mais de 120 mil BTC desde o lançamento dos novos ETFs.

A participação de mercado do GBTC em termos de volume de negociação do ETF de Bitcoin à vista caiu significativamente. Assim, com uma queda em quase pela metade, de um pico de 63,9% em 17 de janeiro para 36,4% nos últimos dias. O volume cumulativo para os novos ETFs agora ultrapassa $25 bilhões, de acordo com dados do TheBlock.

Pela primeira vez desde 11 de janeiro, as entradas diárias para o FBTC da Fidelity e o IBIT da BlackRock superaram as saídas do GBTC. O ETF de Bitcoin à vista da BlackRock nos EUA também superou os ativos sob gestão de todos os ETFs de Bitcoin canadenses combinados, alcançando 56.629 BTC, atualmente avaliados em cerca de US$2,5 bilhões. O ETF de Bitcoin à vista da Fidelity nos EUA (FBTC) também está a caminho de alcançar esse marco, tendo acumulado 51.064 BTC até ontem.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Crise diplomática com Israel impacta FAB, agro e energia no Brasil Aos 85 anos, Abílio Diniz ainda inovava e apostou em cripto Apple bloqueia pornografia em Vision Pro e usuários ficam irritadíssimos Analistas aumentam estimativa de lucro do Nubank em 4x e banco sugere “calma” Terceiro homem mais rico do México tem 60% do patrimônio líquido em Bitcoin