Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Blockchain

ETF de Bitcoin à vista é aprovado pela SEC nos EUA, agora oficialmente

Contudo, o site da agência reguladora está fora do ar, provavelmente por conta do grande número de tentativas de acesso.

O analista da Bloomberg Eric Balchunas confirmou que a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) aprovou o ETF de Bitcoin à vista, oficializando um grande e tão esperado marco da indústria de criptomoedas nesta quarta-feira (10). Até o momento, foram 11 ETFs aprovados pela agência reguladora.

“Acabou. Graças a Deus”, afirmou no Twitter.

Faça parte da Comunidade BLOCKTRENDS PRO e lucre em cripto com relatórios semanais, análises diárias, sinais e lives exclusivas.

Contudo, o site da agência reguladora está fora do ar, provavelmente por conta do grande número de tentativas de acesso. Nesse sentido, conforme avalia Balchunas, a corrida de quem será o principal ETF spot de Bitcoin começa agora.

“É verdade, agora a corrida começa, mas isso será um acompanhamento mais normal do volume de fluxos, novos lançamentos, etc. Ao contrário desta montanha-russa emocional da qual muitos de nós fomos mantidos como reféns por 6 meses, e especialmente nos últimos dois dias. Estamos livres agora”, diz.

Ademais, pouco antes, em cartas enviadas à SEC, a Cboe disse que havia aprovado ofertas de ETF de BTC à vista da ARK 21Shares, Invesco Galaxy, Fidelity, VanEck, WisdomTree e Franklin Templeton.

“Para facilitar a listagem oportuna, a Bolsa solicita aceleração do registro desses valores mobiliários sob a Regra 12d1-2 da Lei de Trocas de Valores Mobiliários de 1934, conforme emendada”, disse a Cboe.

O preço do Bitcoin já começou a reagir positivamente no primeiro momento. A criptomoeda parece estar retornando ao patamar de US$ 46 mil mas ainda com o efeito “Pedro e o Lobo” após tantas confirmações falsas. Entre elas, a publicação feita por um hacker no perfil da SEC ontem. Na avaliação de analistas ouvidos pelo BlockTrends nesta semana, a perspectiva é de aumento no preço nas próximas semanas.

Dia histórico

Para Nicole Dyskant, advogada especialista em criptoativos e conselheira da Fireblocks, o impacto da aprovação do ETF Spot Bitcoin, pela SEC, vai além da nova liquidez imediata que entrará no mercado com os novos fundos em si.

“Isso certamente gera impacto direto, inclusive no preço, mas o potencial de impacto maior é exponencial, em razão de mudanças que o ETF pode proporcionar nos segmentos de mercado financeiro e de capitais”, diz.

Ademais, a adoção pelas tesourarias, clientes, e plataformas de distribuição, instituições financeiras, fintechs vai trazer mais investidores, os novos, diz a advogada. Além disso, trará aqueles que já buscam exposição a ativos alternativos, mas ainda tem resistência ao token.

“Além do resultado mais previsível, pensando com a cabeça das instituições que tem o potencial de realmente investir volume e adotar blockchain de forma revolucionária, essa aprovação pode destravar outras barreiras”, avalia.

Em potencial, a depender da regulação efetiva da SEC, a alocação pelo institucional pode passar a ser como os demais ETFs ou ativos negociado em bolsa, respeitando as respectivas políticas de investimento, de instituições, e de suitability no caso do varejo. As regras de alocação mudam. “Por essas e outras razões, vejo essa aprovação que o mercado espera para o 1o trimestre de 2024, com potencial transformador”, finaliza.

ETF Bitcoin aprovado SEC
(Imagem: DALLE-3)

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com



Ancord e BlockTrends lançam primeira Certificação em Criptoativos do Mercado Financeiro e de Capitais Donald Trump Agora Possui US$ 30 Milhões em Memecoins DOG é listada na Bybit e atinge máxima histórica pelo segundo dia consecutivo DOG, memecoin no Bitcoin, atinge nova máxima histórica Investidor lucra mais de US$180 mil (154.724%) com bug de Berkshire Hathaway