Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Blockchain

El Salvador anuncia ‘Visto da Liberdade’ do Bitcoin e custa 24 BTC

O processo requer um depósito não reembolsável de US$ 999 em Bitcoin ou USDt, e todos os candidatos aceitos devem passar pelo KYC.

El Salvador introduziu um novo programa de cidadania por investimento. Desse modo, oferecendo visto de residência e cidadania para 1.000 pessoas que investirem US$ 1 milhão em Bitcoin ou Tether USDT no país. Portanto, o equivalente seria comprar, ou investir em 24,02 BTC na cotação atual.

O programa foi anunciado pelo governo de El Salvador em parceria com a empresa emissora de stablecoins Tether em 7 de dezembro. O programa tem o nome de “Adopting El Salvador Freedom Visa Program”.

Portanto, o objetivo é arrecadar US$ 1 bilhão para El Salvador, caso todas as vagas sejam preenchidas. Esses programas representam uma fonte de renda importante para países como Vanuatu, que arrecada milhões anualmente com seu programa de cidadania por investimento.

“Nossa colaboração com o governo de El Salvador é um momento significativo para a Tether como fornecedora de tecnologia”, disse Paolo Ardoino, CEO da Tether.

“Esta iniciativa destaca nosso compromisso em apoiar cidades e comunidades em sua busca por liberdade financeira e inovação. E representa uma oportunidade única para utilizarmos nossas capacidades tecnológicas para promover o crescimento e a inovação na região.”

Adriana Mira, Vice-Ministra das Relações Exteriores de El Salvador, enfatizou: “Esta colaboração significa um marco fundamental em nossa dedicação ao desenvolvimento econômico e à inovação. O ‘Programa de Adoção do Visto de Liberdade de El Salvador’ oferece uma oportunidade extraordinária para os indivíduos participarem ativamente na formação de um país próspero. futuro para a nossa nação.”

Processo de Visa em El Salvador

O processo requer um depósito não reembolsável de US$ 999 em Bitcoin ou USDt, e todos os candidatos aceitos devem passar pelo KYC. Após a aceitação, o depósito será creditado para o investimento de US$ 1 milhão em Bitcoin ou USDt necessário para garantir o Freedom Visa e, em seguida, a cidadania.

Desse modo, este investimento permite que os participantes garantam o Freedom Visa e contribuam ativamente para o crescimento do país. As famílias também têm a oportunidade de se candidatar coletivamente. Assim, permitindo que os membros elegíveis da família, como cônjuges, filhos e parentes dependentes, participem na definição do futuro de El Salvador.

Apesar do alto custo, investidores de criptomoedas podem se sentir atraídos para se mudar para o país devido às políticas pró-Bitcoin do presidente Nayib Bukele, que incluem o reconhecimento do Bitcoin como moeda legal e isenção de impostos sobre renda e ganhos de capital por 15 anos para empresas de tecnologia que investem no país.

Bukele também reduziu a taxa de homicídios de El Salvador, uma das mais altas do mundo, mas sua repressão aos criminosos resultou em 66.000 detenções, muitas delas arbitrárias, e “graves violações de direitos humanos”, segundo um relatório da Anistia Internacional.

Contudo, Bukele deixou o cargo de presidente em 1º de dezembro para se concentrar em sua campanha de reeleição antes das eleições gerais do país em fevereiro de 2024.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Bitcoin decola 50% em fevereiro. Ainda vale a pena comprar? BlackRock, maior gestora do mundo, começa a oferecer ETF de Bitcoin na B3 Crise diplomática com Israel impacta FAB, agro e energia no Brasil Aos 85 anos, Abílio Diniz ainda inovava e apostou em cripto Apple bloqueia pornografia em Vision Pro e usuários ficam irritadíssimos