Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Blockchain

Visão de americanos sobre cripto está mais negativa

Casos recentes como o colapso da FTX, a despeito de qualquer relação com o Bitcoin e os criptoativos em si, abalaram a visão da classe de ativos junto ao público.

Pesquisa promovida pela CNBC All-America Economie, aponta que de março de 2022 até novembro, a visão dos americanos se tornou mais negativa, com o percentual de pessoas avaliando a classe de criptoativos negativamente saindo de 25% para 43%. Já o número de pessoas que veem cripto positivamente saiu de 19% para 8% 

Os casos envolvendo FTX, Celsius, TerraLuna e outros, acabam impactando a visão de investidores, o que explica o contágio no preço do Bitcoin, a despeito de a principal criptomoeda não ter qualquer relação com as fraudes promovidas por Sam Bankman-Fried.

Entre na comunidade BLOCKTRENDS PRO com 15% OFF e receba +30 cursos, análises diárias, relatórios semanais, lives e mais.

O sentimento negativo sobre cripto ocorre em linha com o sentimento sobre ações, com apenas 26% dos americanos acreditando que se trata de um bom momento para investir na bolsa de valores. 

Ao menos 51% dos americanos acredita que se trata de um péssimo momento para investir em ações.

Outro dado relevante capturado pela pesquisa está nos 53% que acreditam que o setor deva ser mais regulado.

Os mais de 30 dias com manchetes negativas sobre cripto que se seguiram na sequência do colapso da FTX ajudaram a consolidar o investimento, algo que ocorre também no mercado financeiro tradicional.

O Bitcoin, principal criptoativo, enfrenta perdas superiores a 70% nos últimos 12 meses, ainda assim, o número está abaixo de grandes empresas de tecnologia, como a holding dona do Facebook e Instagram, Meta, além de Netflix.

A expectativa de alta de juros, que tem sido confirmada pelo FED, tem esvaziado investimentos de risco, como tecnologia.

Ainda assim, alguns investidores acreditam tratar-se de um bom momento para se estar posicionado na área.

Cathie Wood, da Ark Investiment, comprou Bitcoin, além de ações de tecnologia ligadas à cripto, pela primeira vez desde Julho de 2021. Cathie e a Ark alocaram cerca de US$61 milhões nestes investimentos.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Mt. Gox diz que vai pagar US$ 8 bilhões aos credores semana que vem Ancord e BlockTrends lançam primeira Certificação em Criptoativos do Mercado Financeiro e de Capitais Donald Trump Agora Possui US$ 30 Milhões em Memecoins DOG é listada na Bybit e atinge máxima histórica pelo segundo dia consecutivo DOG, memecoin no Bitcoin, atinge nova máxima histórica