Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Notícias

Por que o preço do Ethereum subiu 115% em apenas dois meses?

Rede se prepara para atualização The Merge, e ‘surfa’ na onda de valorização do mercado cripto.

O preço da criptomoeda ether (ETH), da rede Ethereum, enfrentou uma grande valorização nos últimos dois meses. A criptomoeda subiu mais de 115% no mercado, registrando a máxima de US$ 1.927,94 nesta sexta-feira (12).

Atualmente, o ether está sendo cotado acima de US$ 1,9 mil, com uma valorização de 2% no dia. Somente nos últimos sete dias, a criptomoeda subiu 14,85% no mercado cripto.

A valorização do ether pode ter relação com a atualização The Merge. Em setembro de 2022, o Ethereum implantará o mecanismo de prova de participação (proof-of-stake) na validação de transações da rede.

Há cerca de dois meses, Vitalik Buterin, anunciou que a atualização The Merge acontecerá em setembro de 2022. Desde então, a criptomoeda principal da rede teve uma valorização superior a 115%.

Ethereum impulsionado pelo mercado


Uma onda de valorização está atingindo o mercado cripto, com a atenção dos investidores voltada para ativos de risco. Sendo assim, o ether está sendo beneficiado com esse aumento geral nos preços.

Segundo o analista on-chain do BlockTrends, Cauê Oliveira, o aumento de 115% do preço do ether está relacionado ao volume de capital que o mercado cripto está recebendo. Outras criptomoedas como o bitcoin também estão em valorização.

No entanto, o preço do ether possui outro propulsor com a aproximação da atualização The Merge. Recentemente, a Testnet da rede Ethereum Goerli concluiu a integração do mecanismo de prova de participação.

“O Ether tem tido uma valorização condizente com o sentimento atual do mercado, uma vez que a volta do capital em ativos de risco impulsiona criptoativos no geral, basta reparar que quase todos subiram em movimentos similares. A diferença do Ethereum é a chegada da transição para PoS.”

The Merge atualizará rede


O mercado cripto espera pela integração final do Ethereum com o protocolo de prova de participação. A atualização é chamada The Merge, e foi adiada algumas vezes até a definição do mês de setembro como prazo para concluir essa fusão com a rede principal.

Além de propor o uso de um novo mecanismo, a atualização The Merge afetará a atividade de mineração da plataforma. Com a mudança, a rede Ethereum terá mais escalabilidade e menor custo operacional.

Para Cauê Oliveira, a atualização The Merge está sofrendo uma grande especulação no mercado cripto. O analista on-chain do BlockTrends orienta que o mercado futuro está acompanhando a valorização do ether, com inúmeros contratos baseados no aumento de preço da criptomoeda nos últimos dois meses.

“A atualização The Merge está sendo amplamente especulada, até mesmo por aqueles que tinham pouca exposição em criptoativos ou altcoins. Vemos isto através de contratos futuros abertos à espera de serem executados em crescimento constante nos últimos meses. A liberação de contratos sintéticos em exchanges é outro sinal de forte especulação no preço após a transição final. Esses fatores impulsionam o preço à medida que a teoria de que o protocolo se tornará mais escalável e menos custoso energeticamente, se difunde pelo mercado.”

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas