Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Notícias

Elon Musk perdeu US$17 bilhões com compra do Twitter, diz gestora

Reavaliação feita pela gestora americana Fidelity (sócia da rede social) aponta o valor do Twitter caiu ⅔ desde a aquisição por Musk.

A Fidelity, uma gestora americana com US$4,5 trilhões, o valor atual do Twitter seria de US$15 bilhões. A empresa foi parte do grupo de investidores que acompanhou Elon Musk na compra do Twitter em outubro passado por US$44 bilhões.

A posição da gestora é considerada pequena, valendo hoje cerca de US$6.55 milhões. A remarcação a mercado, porém, é um indicativo da visão de investidores sobre a empresa.

Faça parte da Comunidade BLOCKTRENDS PRO e lucre em cripto com relatórios semanais, análises diárias, sinais e lives exclusivas.

Desde que o Twitter foi comprado por Musk e outros investidores, a empresa deixou de ser negociada em bolsa.

De acordo com dados enviados à SEC, a comissão de valores mobiliários, Musk detém aproximadamente 79% das ações do Twitter.

Entre as razões para a baixa contábil, destaca-se a quantidade de empréstimos contraídos para financiar a aquisição.

Musk realizou a compra por meio de empréstimos que totalizam US$33,5 bilhões. Deste montante, cerca de US$13 bilhões estão registrados no balanço do próprio Twitter.

Conforme afirmado por Musk, o valor atual do Twitter é metade do que ele pagou pela aquisição. O empresário desembolsou US$25 bilhões na compra, incluindo empréstimos pessoais.

Para obter esses empréstimos, Musk teve que oferecer ações da Tesla como garantia. A possibilidade de ele ficar sem recursos suficientes para pagar os empréstimos e ter que vender ações tem sido uma das principais preocupações dos investidores da montadora.

Nesse sentido, os acionistas da Tesla acreditam que, caso Musk seja obrigado a vender mais ações para liquidar os empréstimos, isso possa afetar o preço da empresa.

Musk tem buscado novos acionistas

De acordo com documentos vazados do family office de Elon Musk, o empresário tem buscado vender ações da “X holdings”, empresa que agora controla o Twitter.

A intenção é diluir a participação de Musk na empresa.

Além de Musk, outros investidores incluem a Binance, que investiu US$500 milhões, assim como Larry Elisson (Oracle) e o príncipe saudita Alwaleed.

Elisson se aproximou de Musk ao adquirir aproximadamente US$1 bilhão em ações da Tesla. Atualmente, essa participação equivale a US$13 bilhões.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Ancord e BlockTrends lançam primeira Certificação em Criptoativos do Mercado Financeiro e de Capitais Donald Trump Agora Possui US$ 30 Milhões em Memecoins DOG é listada na Bybit e atinge máxima histórica pelo segundo dia consecutivo DOG, memecoin no Bitcoin, atinge nova máxima histórica Investidor lucra mais de US$180 mil (154.724%) com bug de Berkshire Hathaway