Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Blockchain

Marathon Digital faz investimento de US$ 179 milhões em propriedades no Texas e Nebraska

Portanto, essa ação dará à Marathon Digital seus primeiros terrenos totalmente próprios.

A Marathon Digital, mineradora de Bitcoin sediada na Flórida, planeja adicionar 390 megawatts à sua capacidade de mineração de Bitcoin. Desse modo, a operação será por meio de uma aquisição que pode dobrar sua taxa de hash nos próximos anos.

A empresa está comprando duas instalações de mineração de Bitcoin em Granbury, Texas e Kearney, NE. As instalações são de afiliadas da Generate Capital, e a aquisição foi por US$ 178,6 milhões em dinheiro. Conforme anunciado em um comunicado de imprensa na terça-feira.

Portanto, essa ação dará à Marathon Digital seus primeiros terrenos totalmente próprios. No momento, a mineradora tem uma capacidade de mineração atualmente hospedada principalmente por terceiros. Atualmente, apenas 3% da capacidade de 584 megawatts da empresa estão alojados em sites que ela possui e opera. Isso mudará para 45% após o fechamento do negócio.

Redução de custos

Além de expandir a capacidade operacional, a transação permitirá que a Marathon reduza seus custos de produção de Bitcoin nos sites em cerca de 30% e “aproveite oportunidades de hedge de energia”, disse o CEO da Marathon, Fred Thiel, em um comunicado.

A Marathon Digital é a maior mineradora da América do Norte em termos de taxa de hash, aumentando sua taxa de hash energizada doméstica em 20% em novembro para 23,1 exahashes por segundo (EH/s). A Core Scientific, que pretende sair de sua falência até o final do ano, estava logo atrás com 21,6 EH/s em 30 de novembro.

A compra mais recente dá à Marathon a chance de dobrar sua taxa de hash para cerca de 50 EH/s nos próximos 18 a 24 meses, disse a empresa na terça-feira.

O aumento esperado ocorre enquanto os concorrentes também planejam um grande crescimento antes do próximo halving do Bitcoin, previsto para abril, quando as recompensas de mineração por bloco serão reduzidas de 6,25 Bitcoin (BTC) para 3,125 BTC.

Outras mineradoras que investiram em hash

A Riot Platforms fez a maior compra de hash da história da empresa no início deste mês, adquirindo 66.560 máquinas MicroBT por US$ 290,5 milhões. A taxa de hash implantada da Riot era de 12,4 EH/s no final de novembro.

Mas a empresa disse que opções para comprar mais máquinas MicroBT poderiam ajudá-la a adicionar 75 EH/s à capacidade de mineração própria da empresa a longo prazo. Nas últimas semanas, a Bitfarms comprou 36.000 mineradores Bitmain T21 como parte de “um plano de atualização de frota transformador”, e a fusão entre a Hut 8 e a US Bitcoin Corp foi concluída.

Este não é o primeiro grande movimento da Marathon este ano. Ela tem se concentrado em expandir globalmente e diversificar métodos de mineração nos últimos meses. Agora com 2,5 EH/s e 0,2 EH/s online em Abu Dhabi e Paraguai.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Crise diplomática com Israel impacta FAB, agro e energia no Brasil Aos 85 anos, Abílio Diniz ainda inovava e apostou em cripto Apple bloqueia pornografia em Vision Pro e usuários ficam irritadíssimos Analistas aumentam estimativa de lucro do Nubank em 4x e banco sugere “calma” Terceiro homem mais rico do México tem 60% do patrimônio líquido em Bitcoin