Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Investimentos

Justiça bloqueia R$8 milhões de Willian Bigode em caso de pirâmide financeira

14ª vara cível de São Paulo concedeu liminar bloqueando recursos do jogador Willian Bigode em caso envolvendo pirâmide de criptomoedas.

A justiça Paulista concedeu liminar bloqueando cerca de R$8 milhões das contas do jogador do Athletico Paranaense Willian Bigode. 

A liminar atende a um pedido do lateral-direito Mayke, do Palmeiras.

Entre na comunidade BLOCKTRENDS PRO com 15% OFF e receba +20 cursos, análises diárias, relatórios semanais, lives e mais.

O pedido diz respeito a perdas tidas por Mayke, bem como os jogadores Gustavo Scarpa e o goleiro do Palmeiras Weverton em um esquema de pirâmide financeira.

Willian Bigode teria atuado como agente de investimentos para a Xland, empresa que prometia retornos de 5% ao mês ao investir em criptomoedas.

O jogador do Athletico alega também ter sido vítima, mencionando perdas de ordem de R$17,5 milhões. 

O valor de R$7,8 milhões bloqueado pela justiça equivale ao investimento de Mayke, da ordem de R$4,53 milhões aportados, bem como os “rendimentos” do negócio, equivalentes a R$3,25 milhões.

A Xland, companhia com sede no Acre, alega que os pagamentos se tornaram inviáveis graças a quebra da corretora FTX. 

Scarpa, também vítima do golpe, menciona que os saques estavam sendo negados desde outubro de 2022, antes portanto da quebra da exchange de Sam Bankman-Fried.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas