Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Blockchain

Júpiter confirma distribuição de JUP e renova expectativa de airdrops na Solana

O primeiro desses airdrops, programado para janeiro, distribuirá 1 bilhão de tokens JUP para as carteiras dos usuários de Solana.

Júpiter, um agregador de finanças descentralizadas (DeFi) baseado em Solana, anunciou que seu aguardado airdrop começará em janeiro. Desse modo, conforme revelado pelo fundador pseudônimo Meow em uma postagem no X, antigo Twitter, 40% dos 10 bilhões de tokens JUP que serão cunhados estarão reservados para airdrops.

Portanto, esses serão distribuídos aos membros da comunidade Jupiter. Um site recentemente lançado permite que os usuários elegíveis da Jupiter saibam quanto JUP poderão receber.

O primeiro desses airdrops, programado para janeiro, distribuirá 1 bilhão de tokens JUP para as carteiras dos usuários de Solana. Além disso, Meow anunciou que mais 10% do suprimento total de JUP, ou seja, outro bilhão de tokens, será reservado para contribuidores da comunidade e concessões.

Essa alocação, provavelmente administrada pela DAO, visa incentivar a participação da comunidade em iniciativas para o crescimento de Jupiter, avaliação de projetos para o ecossistema Solana e impulsionamento do meta descentralizado.

A equipe de Jupiter gerenciará 50% do total dos tokens JUP. Destes, alocará 20% para os membros atuais da equipe, reservará 20% para estratégias futuras e destinará 10% para a provisão de liquidez, sendo esta majoritariamente ou totalmente realizada on-chain.

Solana renova expectativas em airdrops

Hoje, Jupiter é um dos maiores projetos DeFi construídos em Solana. Como agregador de trocas, a plataforma orienta os usuários sobre as melhores taxas ao negociar tokens. Portanto, até a Phantom, uma das maiores carteiras da rede, usa o protocolo. Nas últimas 24 horas, processou cerca de US$ 231 milhões em transações, segundo o CoinMarketCap.

Nesse sentido, o ecossistema da Solana tem vivenciado um período interessante de airdrops. Ou seja, com vários projetos na rede lançando e distribuindo seus tokens. Entre eles, os mais recentes airdrops de Pyth e Jito, que injetaram centenas de milhões de dólares em tokens gratuitos nas carteiras dos usuários.

Portanto, a narrativa é a de que a rede começe a observar mais protocolos realizando seus airdrops. Essa tese foi responsável por uma grande migração de capital, aumentando o TVL da rede. Apostas como MarginFi e Kamino atraíram os caçadores de airdrops.

Um dos maiores sucessos foi o BONK, um meme coin de Solana que valorizou impressionantes 839% no último mês. Com o airdrop de Jupiter, quase um milhão de carteiras SOL são elegíveis para o sorteio, aumentando a expectativa de que continue o momento positivo no ecossistema.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Bitcoin decola 50% em fevereiro. Ainda vale a pena comprar? BlackRock, maior gestora do mundo, começa a oferecer ETF de Bitcoin na B3 Crise diplomática com Israel impacta FAB, agro e energia no Brasil Aos 85 anos, Abílio Diniz ainda inovava e apostou em cripto Apple bloqueia pornografia em Vision Pro e usuários ficam irritadíssimos