Artigo

Hackers roubam R$3 bilhões na maior invasão da história do DeFi


Por Hugo Montan
Agosto 11, 2021

[post-views]

Hackers invadiram e exploraram a Poly Network, plataforma especializada em transferências cripto, subtraindo cerca de R$3,1 bilhões da rede.

A Poly Network, plataforma baseada em um protocolo para troca de tokens entre diferentes blockchains, incluindo Bitcoin e Ethereum, sofreu o maior ataque da história das Finanças Descentralizadas (DeFi).

A invasão subtraiu um total de US$611 milhões da rede (aproximadamente R$3,1 bilhões).

Os ativos roubados foram cerca de US$273 milhões em tokens Ethereum (ETH), US$253 milhões em tokens na Binance Smart Chain (BNB) e US$85 milhões em Tether (USDC).

De acordo com Igor Igamberdiev, do The Block Research, a principal causa do hack foi um problema de criptografia, em um caso aparentemente semelhante ao ocorrido com a Anyswap.

Em nota, a Poly Network lamentou o acontecimento:

Desde então, responsáveis pela USD Tether listaram as moedas em uma lista negra, congelando os ativos e impedindo qualquer utilização financeira.

A Poly Network solicitou que as trocas de ativos digitais e os mineradores bloqueiem todos os tokens provenientes dos endereços acima. A equipe por trás do protocolo também prometeu ação legal e solicitou que os hackers devolvessem os ativos roubados. 


Para se manter atualizado, siga a QR Capital no Instagram e no Twitter.

cool good eh love2 cute confused notgood numb disgusting fail