Artigo

Preços de placas de vídeo dispararam em até 90% no Brasil


Por Hugo Montan
novembro 22, 2021

[post-views]

Mesmo nas vésperas da Black Friday, o setor de hardware ainda apresenta produtos super precificados devido a diferentes fatores do mercado, aqui explicamos alguns desses motivos:

Com a Black Friday chegando, muitos brasileiros procuram aproveitar as ofertas para comprar os mais diversos produtos, com muito foco em novos artigos eletrônicos, mas se você busca hardware, tome cuidado. Para o público aficionado por computação e jogos, o aumento de preços nos produtos não é novidade nenhuma, desde o ano passado os produtos estão apresentando um aumento sinuoso devido a diferentes fatores.

Como estes produtos são em maioria importados ou relacionados a materiais cotados internacionalmente, a sensibilidade perante as variações do dólar são muito mais visíveis do que em produtos domésticos, e esse é exatamente o caso de componentes de hardware como placas de vídeos.

Além do aumento do dólar, outros dois eventos tem influenciado diretamente a disparada nos preços, a crise dos microchips e o colapso logístico global. A escassez dos microchips ocasionada pela paralisação das atividades na pandemia vem afetando todo mercado eletrônico global, causando grandes prejuízos para as corporações. Há poucas semanas, a Apple perdeu o posto de empresa mais valiosa do mundo após reportar um prejuízo bilionário em seu balanço devido a falta dos componentes.

Por outro lado, o mundo também convive com uma crise logística, que vai encarecer não só os eletrônicos, mas também todos os produtos importados no país. principalmente devido aos enormes engarrafamentos nos portos e a escassez de mão de obra na indústria de transporte.

Dois dos maiores portos dos EUA viram um aumento de 30% na quantidade de mercadorias que passam por eles durante o processamento da carga, com 28% menos trabalhadores. E em julho, o Departamento do Trabalho dos EUA informou que o setor de depósitos teve um recorde de 490.000 vagas de emprego, fenômeno que atinge todo o mercado produtivo americano. Enquanto isso, a indústria de caminhões tem uma escassez de mais de 80.000 motoristas.

Com a finalidade de medir alguma das variações dos preços desses componentes, separamos alguns produtos de diferentes categorias do setor de componentes gráficos voltados para jogos. Analisamos os preços de 4 placas de vídeo, a RTX 3060, placa de última geração lançada este ano; a RTX 2060, placa de alto nível lançada em 2019; a GTX 1660 Super, placa de bom desempenho, porém relativamente ultrapassada; e a RX580, placa que até poucos meses atrás era considerada como produto “de entrada”.

Utilizando os dados da Zoom, verificamos que as placas tiveram, respectivamente, um aumento de 120%, 107%, 56% e 10,2% entre julho deste ano até o dia de hoje, portanto, um aumento médio de 95% em um intervalo de apenas 4 meses.


Você pode curtir também ler estes textos aqui:

BLACK FRIDAY DEVE TER OS MENORES DESCONTOS DA HISTÓRIA

O GOL AGORA CUSTA R$90 MIL, E ISSO É A PONTA DO ICEBERG DE UMA CADEIA DE ERROS

cool good eh love2 cute confused notgood numb disgusting fail
Até o Fiat Marea valorizou mais que o Ibovespa 5 mitos do governo Lula que você sempre acreditou O quanto os primeiros investidores do Nubank lucraram As 5 NFTs mais bizarras já vendidas Petrobras vende refinaria e acaba com monopólio de 69 anos