Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Economia

Inflação mensal na Argentina supera a projeção anual no Brasil

País superou a Venezuela como a maior inflação mensal nas Américas.

O relatório Focus divulgado nesta segunda-feira apontou uma menor projeção para o Brasil em 2022, com o mercado estimando em 7,11% o IPCA, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo. O resultado reflete uma tendência de deflação em Julho e Agosto, provocadas pela queda nos tributos, e no preço, dos combustíveis e energia.

O resultado do IPCA, que deverá ser divulgado nesta terça, deve trazer uma deflação de 0,65%. Com a medida, o Brasil segue acima do centro da meta, em 3,5%, mas com tendência de queda.

Faça parte da Comunidade BLOCKTRENDS PRO e lucre em cripto com relatórios semanais, análises diárias, sinais e lives exclusivas.

Mais ao sul das Américas, os resultados têm sido menos animadores. No Chile, a inflação anual atingiu 13,1%, já na Argentina, o índice de inflação mensal medido pelo setor privado, aponta uma inflação de 7,5%, apenas no mês de Julho.

O resultado argentino supera o índice da problemática Venezuela, de 5,3%, considerado até então como o país em pior situação de toda a América do Sul.

A inflação mensal na Argentina tem avançado em vista da desvalorização cambial, com o Peso sendo cotado a 1 dólar para 350, número bastante superior ao do ínicio da última década, quando 4 pesos equivaliam a 1 dólar.

O colapso da moeda argentina se dá em meio a troca de ministros da Fazenda e a dificuldade de controle das contas públicas por parte do presidente Alberto Fernández. 

A previsão do mercado, segundo o BRCA (Banco Central da República Argentina), prevê agora uma inflação anual de 94,7% em 2022, uma alta de 15,4% em relação à previsão de Junho.

Outras expectativas do mercado argentino apontam para uma taxa de crescimento do PIB de 3,2% no ano, além de uma taxa de desemprego de 7,3%.

O déficit nominal do governo argetino é estimado em $2,3 bilhões, ou 0,8% do PIB. Segundo economistas, porém, o resultado estaria sendo “suavizado” pelo governo.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas