Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Investimentos

Facebook gasta hoje R$282 mil por usuário ativo no seu metaverso

Projetado como o futuro da internet, o metaverso tem consumido bilhões em recursos da empresa fundada por Mark Zuckerberg, mas ainda sem resultados.

Entre 2019 e 2022, a Reality Labs, unidade da Meta responsável por inovações e a construção do “futuro da internet”, já apresentou prejuízos de US$30 bilhões, ou R$150 bilhões.

Em 2022, a unidade deve fechar o ano com um prejuízo superior a US$10 bilhões pela primeira vez, sem grandes entregas ou expectativas. De fato, investidores têm questionado cada vez mais se há algo palpável, e rentável, nessa visão futurística de metaverso construída por Mark Zuckerberg. 

Entre na comunidade BLOCKTRENDS PRO com 15% OFF e receba +20 cursos, análises diárias, relatórios semanais, lives e mais.

De acordo com o CTO da empresa, Andrew Bosworth, a unidade deve ser responsável por 20% dos gastos da Meta em 2023, O comunidade implica em um aumento em relação aos 18% atuais, além de surgir logo após uma publicação do ex-CTO da Óculus, a empresa de VR da Meta, onde acusa a unidade de ser extremamente ineficiente.

Ao longo deste ano, a Meta perdeu cerca de US$700 bilhões em valor de mercado, com investidores questionando a capacidade e o foco da empresa diante de um aumento expressivo da concorrência. 

A empresa vem perdendo usuários para redes como TikTok, além de ver sua receita com publicidade digital ser cada vez mais disputada por outras gigantes de tecnologia, como a Amazon.

Em 2022, os lucros das empresas ligadas a Meta (Facebook, Instagram e Whatsapp), caíram cerca de 22%.

Em outubro, a Meta reduziu ainda sua expectativa de usuários no Horizon Worlds, seu metaverso inicial. Antes em 500 mil, agora especula-se que ele deverá ter 280 mil usuários ao final de 2022.

Há pouca dúvida no mercado de que a Realidade Aumentada (AR), e a Realidade Virtual (VR), deverão ser tendências ao longo desta década. A grande questão, porém, está na capacidade da empresa fundada por Mark em 2005, conseguir ocupar o posto de líder neste segmento, ou o risco de ter chegado muito cedo e avançado muito rápido.

Na prática, com os $14,76 bilhões de dólares estimados em custo para este ano (R$79 bilhões), e os 280 mil usuários, é possível dizer que o Metaverso do Facebook/Meta, está custando algo como R$282 mil por usuário. E há uma longa estrada até isto se tornar viável. Ao menos é o que apostam os investidores.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Ancord e BlockTrends lançam primeira Certificação em Criptoativos do Mercado Financeiro e de Capitais Donald Trump Agora Possui US$ 30 Milhões em Memecoins DOG é listada na Bybit e atinge máxima histórica pelo segundo dia consecutivo DOG, memecoin no Bitcoin, atinge nova máxima histórica Investidor lucra mais de US$180 mil (154.724%) com bug de Berkshire Hathaway