Tecnologia

Como a Twitch se tornou um negócio de $20 bilhões de dólares

Com uma ideia de canais interativos muito antes do Youtube, a Twitch se tornou uma rede ainda que menor, bastante mais engajada, e hoje vale ao menos $20 bilhões de dólares.

Foi em julho de 2020 que Jeff Bezos foi chamado a depor no congresso americano. As questões, que foram repetidas a outros CEOs como Sundar Pichai do Google, Tim Cook da Apple e Mark Zuckerberg do Facebook, incluíram uma variedade de temas em torno da mesma preocupação: o poder das Big Techs.

Regadas com “dinheiro infinito”, as grandes empresas de tecnologia americanas se tornaram gigantes prontas para abocanhar diversas áreas da economia, promovendo o que hoje chamamos de “disrupção”, ou simplesmente concorrência predatória.

A história se repete em quase todas as áreas. Uma empresa de tecnologia com um produto gerador de caixa e bem estabelecido, utiliza seus recursos para comprar outra e ir explorando novos setores. Por vezes o resultado é um custo menor e mais eficiência ao consumidor, em outras, um aumento de poder que cedo ou tarde se converterá em preços mais altos devido a ausência de alternativas.

Fato é que, em meio a tantas questões, uma delas acabou, como não poderia deixar de ser, gerando memes. Jeff Bezos foi questionado na ocasião se a Twitch pagava royalties aos artistas cujas músicas eram exibidas na plataforma.

A resposta? Não sei.

Foi o suficiente para a internet concluir que Jeff não faz ideia de que é dono da Twitch, a plataforma de streamers adquirida pela Amazon em 2014 por $970 milhões.

Ainda que Jeff não saiba, ou não se importa, o que seria compreensível, afinal a Amazon é dona de mais de 100 empresas que vão de serviços de computação em nuvem a mercados de produtos orgânicos, passando por mídia, entretenimento, medicina, veículos elétricos, logística etc, a Twitch é relativamente importante no valuation da empresa.

A empresa, que foi adquirida por 10 vezes o seu valor de mercado em 2014, vale hoje outras 20 vezes, ou $20 bilhões de dólares.

Como parte da estratégia de mídia da Amazon, uma área que calcula-se possa valer $500 bilhões, incluindo Amazon Prime Video, Music e outros serviços, a Twitch se tornou um braço de negócio relevante para o mercado de games, uma indústria que movimentou em 2021 cerca de $175,8 bilhões em 2021.

A história da empresa, porém, começa em 2007, quando Justin Kan e Emmett Shear tiveram uma ideia a lá Jeff Bezos e colocaram na web um setor mais do que tradicional da economia. Ao invés de livros, ambos decidiram levar para a internet a TV. Daí nasceu a “Justin.TV”.

Ao contrário do Youtube, fundado 2 anos antes, a Justin.tv focava em conteúdo ao vivo. Cada usuário possuía o seu canal e era então encorajado a se tornar um produtor de conteúdo.

Polêmicas em série, como as que envolveram transmissões de suicídios, fizeram a empresa mudar de rumo.

Em 2011, a parte de jogos foi separada das demais, e um aumento nas conexões de internet ao redor do mundo levaram a um aumento no engajamento.

Em 2013 o site já possuía 35 milhões de usuários mensais, e em Maio de 2014, surgiram as especulações de que o Google viria a comprar a Twitch Interactive, empresa que controlava a Twitch e a Justin.tv por cerca de $1 bilhão.

O negócio não prosperou por preocupações antitruste, segundo especula-se. O fim do acordo com o Google, porém, abriu espaço para a Amazon, que em 28 de agosto de 2014 pagou $970 milhões de dólares em dinheiro pela Twitch.

Desde então a empresa vem reforçando aquisições em games e ampliando a oferta aos usuários, além de remunerar streamers.

Entre janeiro e setembro de 2021, a Twitch pagou $889 milhões de dólares aos criadores de conteúdo, o valor equivale a metade da receita da empresa no mesmo período, estimada em $1,75 bilhão, ou $2,3 bilhões no ano completo de 2020.

Sob o comando da Amazon a Twitch saltou de uma receita anual de $100 milhões para $2,3 bilhões, e da mesma maneira, o valor de mercado do negócio também saltou.

Um relatório da Needham publicado em janeiro de 2021 creditava um valor de $15 bilhões à subsidiária da Amazon, assumindo o mesmo múltiplo de receita com o qual se credita o Youtube, entre 9 e 11 vezes a receita.

Mantendo a projeção, é possível dizer que em 2020 a Twitch é um negócio que vale algo entre $20,7 bilhões e $25,3 bilhões.

Notícias relacionadas

Quer aprender a investir em criptoativos na bolsa, de forma prática e inteligente? Nós preparamos um curso gratuito com o passo a passo. Clique aqui para acessar.
Problemas de liquidez afetam 4 plataformas cripto Torcidas brasileiras de futebol irritam jornais argentinos com piada Quanto ganham os executivos de empresas estatais 5 bancos que já revisaram o PIB brasileiro para cima em 2022 Como era o Brasil no ano da conquista do penta