Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Economia

Salário do brasileiro deveria ser de R$ 6,5 mil, aponta DIEESE

Governo divulga novo piso do salário mínimo de R$ 1.294 para 2023.

O Governo Federal divulgou o novo piso do salário mínimo para 2023. De acordo com a projeção, o brasileiro receberá quase R$ 1,3 mil já no próximo ano, mas esse valor deveria ser bem maior, segundo análise da DIEESE.

O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) acredita que o salário mínimo deveria ser de R$ 6.527,67 no Brasil. A projeção da organização aponta esse valor para junho de 2022.

Entre na comunidade BLOCKTRENDS PRO com 15% OFF e receba +20 cursos, análises diárias, relatórios semanais, lives e mais.

O salário mínimo ideal apresentado pela DIEESE leva em consideração a remuneração de R$ 1.212,00 em vigor até o final do ano. Com o novo salário mínimo, o valor passará para R$ 1.294 em menos de seis meses.

O novo salário mínimo foi anunciado recentemente, através da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). O aumento de R$ 82 na remuneração corresponde a uma acréscimo de 6,77% no valor total do piso. Em 2022, o piso salarial do trabalhador brasileiro atingiu o maior reajuste da história.

Salário mínimo ideal de R$ 6,5 mil


O valor do novo salário mínimo é quatro vezes menor que a remuneração ideal apresentada pela DIEESE, de R$ 6,5 mil. Essa quantia representa o custo mensal de uma família de quatro pessoas no Brasil.

Para calcular o salário mínimo ideal, a DIEESE leva em consideração o valor da cesta básica em todo o país. Além disso, gastos como aluguel, saúde, educação, transporte, alimentação e entre outros.

O aumento do piso do salário mínimo impactará na renda per capita dos brasileiros que têm o benefício de prestação continuada (BPC), por exemplo. Com o novo valor, esses beneficiários receberão entre R$ 323 e R$ 647.

Além do BPC, o seguro-desemprego aumentará em 2023. Assim, acompanhando o salário mínimo, o benefício pagará R$ 1.294 para os brasileiros. Embora o valor do novo piso já tenha sido estabelecido, uma nova revisão pode acontecer até o final de 2022, em casos de aumento da inflação acumulada neste ano.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Trader faz US$ 6.500 virar US$ 5,6 milhões com criptomoedas meme do Trump após ele falar bem do mercado “O único defensor do livre mercado no mundo é bizarramente da Argentina”, diz ex-gestor de George Soros Instituto mobiliza BTG e Starlink, de Musk, para garantir internet em meio a enchentes no RS Bybit começa a oferecer renda passiva em dólar descentralizado Baleia de Bitcoin acorda após 10 anos e move US$43,9 milhões que comprou por US$2 dólares