Artigo

Shutterstock

Isso é o quanto de grana Elon Musk tem “debaixo do colchão”


Por Hugo Montan
novembro 1, 2021

[post-views]

Apenas no último mês, o patrimônio de Elon Musk aumentou em mais de US $120 bilhões, atingindo um total de US $311 bilhões. Aqui explicamos como Musk possivelmente nunca vai ter acesso a 99% deste montante:

Nesse final de semana, em sua conta do Twitter, Elon Musk gerou uma certa polêmica após responder um Tweet de Eli David, um pesquisador e membro do conselho de tecnologia da Forbes. No Tweet, Eli exibia uma matéria da CNN que alegava que com 2% da fortuna de Musk ($6 bilhões), seria possível acabar com a fome do mundo. 

Em sua resposta, Musk disse que se a UN World Food Program (WFP), entidade responsável pela pesquisa divulgada, fosse capaz de descrever como os $6 bilhões sanariam a fome do mundo em uma Thread ele venderia as ações da Tesla naquele exato momento e realizaria a doação. 

Sendo a figura icônica por trás da transição energética pregada pelos veículos elétricos da Tesla e da expansão multi-planetária da SpaceX, Elon Musk é no mínimo um dos principais protagonistas desse século. 

Embora todo mundo tenha noção de que Elon Musk é um dos maiores bilionários do mundo, e possivelmente a pessoa mais rica da história da humanidade segundo a Forbes, poucas pessoas entendem ao certo como a alocação de recursos de grandes bilionários funciona. 

Segundo o Bloomberg Billionaires Index, Musk não apenas é a pessoa mais rica da atualidade como também a primeira pessoa da história a atingir a marca de $311 bilhões de dólares em seu patrimônio. Apenas nos últimos 12 meses, esse montante cresceu em 83,3% ($259 bilhões) com a valorização de suas participações na Tesla e SpaceX

Fonte: Bloomberg Billionaires Index

No papel, a riqueza de Musk é maior que o PIB de 80% dos países do mundo, sendo equivalente a 4x o Twitter, 1 milhão de Tesla Roadsters e 53,2 bilhões de Big Mac’s. 

Mesmo que esses números impressionem, Musk leva uma vida simples, morando em uma casa pré-construída de 36 metros quadrados na fábrica da SpaceX no Texas, e na verdade, tem grandes dívidas em seu nome. 

Em 2020, o jornal Financial Post revelou que Musk realizou pedidos crescentes de crédito pessoal para bancos como Morgan Stanley, Goldman Sachs e Bank of America, devendo um total de $548 milhões em empréstimos para os bancos.

A razão para isso é simples, Musk provavelmente possui muito pouco dinheiro líquido em suas contas bancárias, sendo a maioria de seu patrimônio alocado em suas participações majoritárias na SpaceX e Tesla.  

Os empréstimos servem como uma forma de burlar impostos, uma vez que eles são tomados disponibilizando ações como colaterais, e posteriormente são pagos com dinheiro proveniente de outro empréstimo, que também é realizado via ações colaterais. Dessa forma, Musk nunca perde controle sobre suas ações e paga suas contas sem a necessidade de deter patrimônio líquido (mais facilmente tributado). 

Práticas como essas estão sendo questionadas por democratas como Elizabeth Warren, que encabeçou o plano de mudar a legislação tributária americana em busca de tributar ao menos 3% do patrimônio total de bilionários. 

Na prática, com o projeto de Warren, Musk seria forçado a vender suas participações ano a ano, provocando além de queda nas ações, o que diminuiria o valor da empresa, e em uma situação ainda mais esdrúxula, reduziria a arrecadação. Tudo, claro, sem usufruir da empresa que criou.

O caso é uma opção, não uma regra. Jeff Bezos, o agora medalhista de prata, tem por prática vender 1% de sua participação na Amazon todos os anos para custear sua outra empresa, a Blue Origin, além de investir em startups. Por conta disso Jeff deixa na mesa 45% em imposto.

Atualmente Musk detém 193,3 milhões de ações da Tesla ($216,5 bilhões), representando 20,7% do total das ações em circulação, e tem uma participação de 48% da SpaceX (que não é listada na bolsa americana). 

No último mês a SpaceX se tornou a 2° maior startup do mundo, sendo avaliada em $100 bilhões, dessa forma, podemos estimar que a participação significa um total de $48 bilhões para seu patrimônio.

Estas participações são peças chave para que Musk mantenha seu comando sob suas empresas, e atinja seus principais objetivos que segundo ele mesmo, são: Auxiliar na transição da matriz energética mundial e tornar a humanidade uma espécie multi-planetária. 

Na soma total, restam $44,8 bilhões que estão distribuídos em suas outras empresas como SolarCity, OpenAI e The Boring Company. A Bloomberg estimou que apenas $7 bilhões estejam vinculados a ativos materiais, como imóveis, carros etc. 

Dessa forma, Musk detém 0,15% de seu patrimônio em dinheiro líquido, o restante, 99,85%, está empregado em empresas que geram cerca de 110.000 empregos. 


Você pode curtir também ler estes textos aqui:

ELON MUSK: GÊNIO, PLAYBOY, LOBISTA E LIBERTÁRIO

ELON MUSK GANHOU US $36 BILHÕES APENAS NO DIA DE HOJE

cool good eh love2 cute confused notgood numb disgusting fail
Até o Fiat Marea valorizou mais que o Ibovespa 5 mitos do governo Lula que você sempre acreditou O quanto os primeiros investidores do Nubank lucraram As 5 NFTs mais bizarras já vendidas Petrobras vende refinaria e acaba com monopólio de 69 anos