Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Notícias

Linkedin demite quase 700 pessoas, suspeita é de empresa querer focar em IA

Por outro lado, a LinkedIn está em crescimento. Sua receita ultrapassou US$ 15 bilhões pela primeira vez no último ano fiscal.

A LinkedIn está demitindo cerca de 668 funcionários de diversas equipes, conforme anunciado pela empresa pertencente à Microsoft na segunda-feira. É a segunda vez que a LinkedIn anuncia cortes este ano; em maio, demitiu 716 funcionários, justificando na época que a medida visava “reorganizar para maior agilidade e crescimento”.

Desta vez, os cortes visam “simplificar nosso processo de tomada de decisão”, de acordo com o comunicado da LinkedIn. A Microsoft também anunciou várias rodadas de demissões recentemente, incluindo 10.000 posições eliminadas no início deste ano.

Entre na comunidade BLOCKTRENDS PRO com 15% OFF e receba +20 cursos, análises diárias, relatórios semanais, lives e mais.

Por outro lado, a LinkedIn está em crescimento. Sua receita ultrapassou US$ 15 bilhões pela primeira vez no último ano fiscal. E recentemente, muitas manchetes destacaram seu ressurgimento. Por exemplo, uma matéria do Financial Times do último fim de semana tinha o título “Influenciadores e CEOs levam suas marcas para o LinkedIn”.

Linkedin investe em IA

Assim como quase todas as empresas de tecnologia atualmente, a empresa tem investido fortemente em IA este ano, lançando ferramentas para geração de perfis e descrições de vagas, além de “iniciadores de conversa impulsionados por IA”. Também circulam rumores de que a empresa está desenvolvendo um coach de empregos baseado em IA.

Nima Owji, pesquisador de aplicativos e desenvolvedor, publicou a novidade em seu Twitter. Owji já acertou em diversas novidades sobre o mercado de plataformas sociais.

Além disso, é válido lembrar que o Linkedin pertence à Microsoft, e a empresa vem adotando IA em diversas plataformas  como o buscador Bing, e o pacote office. Conforme revela Owji, a ferramenta do Linkedin será um novo assistente chamado “LinkedIn Coach”.

A novidade já está em testes internos e terá como foco auxiliar os usuários da plataforma em buscas por emprego. Além disso, desenvolver novas habilidades no âmbito corporativo e se conectar melhor com a rede.

Machine learning reaction and ai artificial intelligence.Chat b Linkedin
Machine learning reaction and ai artificial intelligence.Chat bot software network.big data and block chain system.Neuralink with smart brain.generative art

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Mt. Gox move mais de US$ 9 Bilhões em Bitcoin após 6 Anos Donald Trump vira bitcoiner e quer conceder perdão presidencial ao criador da Silk Road Trader compra US$ 1,1 milhão em memecoin, e agora tem US$ 150 Elon Musk cria US$ 30 bilhões do nada com IA do Twitter Trader faz US$ 6.500 virar US$ 5,6 milhões com criptomoedas meme do Trump após ele falar bem do mercado