Blockchain

Gestora de $4,2 trilhões vai vender Bitcoin e preço reage timidamente com alta de 4%

A Fidelity, gestora de $4,2 trilhões de dólares, anunciou o lançamento de um ETP de Bitcoin. O produto, que será negociado na bolsa de Frankfurt, se torna mais uma opção de compra para investidores institucionais.

Quarta maior gestora do mundo com $4,23 trilhões em ativos sob gestão, a Fidelity anunciou que entrará no mercado europeu oferecendo um fundo físico ETP de Bitcoin, no que deve se tornar o meio regulado mais barato de se adquirir cripto no velho continente.

O Fidelity Physical Bitcoin ETP deve ter uma taxa de administração de 0,75% ao ano, exatamente a mesma do QBTC11, o ETF 100% bitcoin lançado no Brasil em junho do último ano.

Com o custo menor, a gestora espera dar alternativas aos investidores institucionais europeus de se exporem ao ativo.

Em meio à luta para conseguir aprovar um ETF (fundo negociado em bolsa) nos EUA, a Fidelity optou pelo ETP, produto de balcão, com menor alcance, como forma de se adiantar à disputa regulatória da bitcoin.

Segundo Christian Staub, managing-director do braço europeu da gestora americana, a empresa vê no segmento de cripto uma aposta relevante para o futuro, com potencial de reduzir custos e barreiras de investimento.

Dentro do grupo chamado de “Big-Five”, das 5 maiores gestoras do mundo, que juntas controlam $30 trilhões de dólares em ativos, a Fidelity é a mais avançada em cripto, disponibilizando ainda serviços de custódia, além de ser proponente de um ETF de cripto junto a SEC.

O Bitcoin reagiu de maneira “tímida” a notícia de que a empresa deve listar seu novo fundo na bolsa de Frankfurt, com uma leve alta de 4% para $42,2 mil.

Notícias relacionadas

Quer aprender a investir em criptoativos na bolsa, de forma prática e inteligente? Nós preparamos um curso gratuito com o passo a passo. Clique aqui para acessar.