Artigo

Criptomoeda investida por Felipe Neto fica 17 horas fora do ar e cai 20%


Por Hugo Montan
Setembro 15, 2021

[post-views]

Vinte dias após Felipe Neto revelar ser um investidor da Solana, a criptomoeda sofreu um apagão de 16 horas e despencou mais de 25% nos últimos 7 dias. 

Ontem (14), a rede Solana sofreu um apagão de quase 17 horas devido a um bug crítico no registro de transações que forçou o interrompimento completo da produção de blocos. O desligamento afetou profundamente o preço da SOL, criptomoeda nativa da rede blockchain, que vem amargando uma queda de mais de 25% nos últimos 7 dias.

A rede parou de produzir na manhã de terça-feira e a Solana Labs, entidade responsável pelo desenvolvimento da plataforma, coordenou uma reinicialização completa da rede para retomar a validação das transações.  

Segundo os desenvolvedores, o bug se originou a partir de uma enxurrada de transações enviadas por bots (robôs), alcançando uma marca de até 400.000 transações por segundo. O evento ocasionou bifurcações na rede, sobrecarregando os validadores e levando a eventuais desligamentos. 

Ironicamente, há cerca de dias Felipe Neto revelou publicamente em seu Twitter ser um investidor de Solana:


A Solana tem se posicionado como uma concorrente direta da plataforma Ethereum no setor DeFi. Assim como a Ethereum, a Solana viabiliza o desenvolvimento de projetos em sua rede com a utilização de Smart Contracts e Dapps, expandindo sua área de atuação para a área das NFTs por exemplo. 

A plataforma se coloca em um palanque em relação às concorrentes devido a sua suposta “escalabilidade”. Na teoria, a rede Solana pode realizar até 50.000 transações por segundo, contra as 30 transações por segundo que o Ethereum realiza. 

Os desenvolvedores buscam recriar a escalabilidade do sistema financeiro tradicional (Visa, Mastercard), que faz cerca de 24.000 transações por segundo. Com a escalabilidade se destacando, o protocolo falha com sua centralização e vulnerabilidade.

Por outro lado, o Bitcoin continua a operar interruptamente desde que Satoshi Nakamoto, no dia 3 de janeiro de 2009, ligou a rede. Sem registrar nenhum ataque bem sucedido, e com um grande potencial de escalabilidade via Lightning Network.


Você pode curtir também ler estes textos aqui:

CHILE CAI 15 POSIÇÕES NO RANKING INTERNACIONAL DE LIBERDADE ECONÔMICA

B3 E QR ASSET LANÇAM CURSO GRATUITO SOBRE CRIPTO

cool good eh love2 cute confused notgood numb disgusting fail