Artigo

Com Messi no PSG Jeff Bezos deve ficar ainda mais rico


Por Felippe Hermes
Agosto 11, 2021

[post-views]

Com brigas intensas contra os tribunais de justiça na França, a Amazon apostou no futebol como arma para angariar ainda mais clientes, pagando €250 milhões para transmitir o campeonato francês. De brinde vê Messi elevar o interesse no campeonato local.

Poucos dias separam uma das jogadas mais ousadas da Amazon na Europa e a decisão de Lionel Messi de pôr fim a sua carreira no Barcelona após 14 temporadas.

Por uma quantia de €250 milhões, o Prime Video, segunda maior plataforma de streaming do mundo com cerca de 200 milhões de inscritos, garantiu o direito de transmitir 80% das partidas da Ligue 1, a primeira temporada do campeonato francês. 

Em uma transação criticada pelo valor considerado baixo pela mídia local, a empresa de Bezos garantiu ainda a transmissão de 36 das 38 partidas do Paris Saint-germain no ano.

A mudança de Messi para o time, que deve ser anunciada nesta quarta, tornou-se um trunfo inesperado que deve impulsionar as vendas do pacote extra do Prime.

Para assistir a temporada, os assinantes devem pagar um extra de €12,99, ou cerca R$79,90 mês (contra R$59,90 mês do Brasileirão pela mesma PrimeVideo).

O investimento total do Prime, estimado em $11 bilhões ao longo de 2020, se tornou uma arma da Amazon para aumentar ainda mais o número de clientes.

As transmissões por streaming são apenas a ponta do iceberg dentro da estratégia da varejista, que prevê ainda competir com a HBO no lançamento de épicos, como a série “O senhor dos anéis”, prevista para setembro de 2022 e cujo orçamento gira em torno de $1 bilhão, tornando-a antes mesmo de estrear a série mais cara já produzida.

Ao redor do mundo o Prime conta com 220 milhões de inscritos e inclui além do serviço de streaming os benefícios em frete “gratuito”.

Segundo análise do JP Morgan, uma assinatura do Prime que custa $119 por ano garante em média $775 em benefícios aos consumidores.

Na outra ponta, um estudo publicado pelo Bank of America, estima que o Prime sozinho tenha um valor de mercado entre $187 e $245 bilhões de dólares, superior à soma das 6 maiores empresas brasileiras listadas em bolsa.

A expansão do serviço na França, onde a Amazon enfrenta há anos uma pressão de reguladores, como a lei que vetou o frete gratuito (por considerar concorrência desleal), deve se tornar muito mais palatável com os olhos do mundo voltados para o time de Neymar, Messi e companhia. 


Para se manter atualizado, siga a QR Capital no Instagram e no Twitter.

cool good eh love2 cute confused notgood numb disgusting fail