Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Blockchain

Robert Kennedy Jr. sugere isentar Bitcoin de impostos em promessa de campanha

Kennedy Jr. também afirmou sua posição em relação à maior criptomoeda em valor de mercado não ser um valor mobiliário.

Robert F. Kennedy Jr. tem sido um forte defensor do Bitcoin durante sua campanha eleitoral à presidência dos Estados Unidos de 2024. O candidato fez diversas promessas para os entusiastas da criptomoeda, e descreveu algumas das políticas que adotará caso seja eleito. Falando em um evento do PAC Heal-the-Divide, Kennedy Jr. prometeu que os investidores que obtiverem lucros com o Bitcoin seriam isentos de impostos sobre ganhos de capital.

“A administração Kennedy isentará a conversão de Bitcoin em dólar dos impostos sobre ganhos de capital”, disse. Ele é filho do senador assassinado Robert Kennedy, e sobrinho do ex-presidente John F. Kennedy.

Kennedy Jr. também afirmou sua posição em relação à maior criptomoeda em valor de mercado não ser um valor mobiliário. “Bitcoin não é um valor mobiliário, e não deve ser regulamentado como um.”

Desse modo, a afirmação acontece em meio a uma extensa discussão sobre o assunto. A Comissão de Valores Mobiliários (SEC) vem classificando algumas criptomoedas como valor mobiliário, exigindo, dessa forma, um registro junto ao órgão.

Kennedy Jr. diz ser “amigo do Bitcoin”

Embora a SEC não tenha acusado o Bitcoin de ser um valor mobiliário, o órgão lançou diversas ofensivas contra corretoras ao longo do ano nesse sentido. Por exemplo, a multa à Kraken por oferecer staking de Ethereum.

Além disso, na semana passada, a justiça americana concedeu uma vitória parcial em ação da SEC contra a Ripple (XRP) onde afirmou que o criptoativo não se trata de um valor mobiliário.

O atual governo tomou uma série de ações regulatórias contra empresas da indústria cripto. Os membros da comunidade apelidaram isso como “Choke Point 2.0.” Nesse sentido, Kennedy Jr. garantiu aos eleitores que ele “porá fim às políticas atuais do governo Biden e ao Choke Point 2.0 que visam punir os bancos que tentam adotar o Bitcoin.

Recentemente, o presidente também alegou que garantirá que os cidadãos tenham direito a “usar e manter o Bitcoin inviolável.” Ele continuou afirmando que o Bitcoin é uma defesa contra a manipulação do suprimento de dinheiro. 

De fato, Kennedy Jr. é o primeiro candidato presidencial a aceitar doações de campanha em Bitcoin. Desse modo, o candidato também diz abominar as iniciativas do dólar digital, a CBDC dos EUA. Para ele, são instrumentos de controle estatal.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com



Nada vai fazer o Bitcoin parar, diz Michael Saylor. Entenda a tese da ‘alta infinita’ Antonio Ais, ‘Toin’ da Braiscompany, é preso na Argentina Bitcoin decola 50% em fevereiro. Ainda vale a pena comprar? BlackRock, maior gestora do mundo, começa a oferecer ETF de Bitcoin na B3 Crise diplomática com Israel impacta FAB, agro e energia no Brasil