Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Notícias

Renda passiva em cripto é inevitável entre institucionais, diz engenheiro senior da Figment

Para Campbell, do ponto de vista institucional, o staking é uma excelente maneira de gerar renda passiva sobre o capital que, de outra forma, ficaria parado.

A renda passiva em cripto, ou staking, é uma maneira de rentabilizar o portfólio enquanto ajuda na validação de uma rede blockchain. Contudo, esse mercado é majoritariamente ambientado por investidores de varejo.

Apesar disso, a prática de gerar renda passiva em cripto está no caminho da institucionalização, enquanto isso o varejo ainda tem a vantagem. Durante a Ethereum Rio 2024, nesta terça-feira (14), o BlockTrends entrevistou Colton Campbell, Engenheiro Sênior de Vendas na Figment, para saber mais sobre o tema.

Faça parte da Comunidade BLOCKTRENDS PRO e lucre em cripto com relatórios semanais, análises diárias, sinais e lives exclusivas.

A Figment é uma provedora de staking, e oferece a habilidade de gerar renda passiva para mais de 250 entidades institucionais. Além disso, a Figment atua com a EigenLayer, como operadora de rede principal e participa do ecossistema desde o início de sua rede de teste.

Para Campbell, do ponto de vista institucional, o staking é uma excelente maneira de gerar renda passiva sobre o capital que, de outra forma, ficaria parado.

“Por exemplo, se você acredita no longo prazo em uma blockchain como a Ethereum e planeja manter seus ativos por um longo período, você acabaria apenas guardando esses ativos em uma carteira”, diz.

Institucionais querem renda passiva, sem o risco de cripto

Staking é uma forma relativamente segura de ganhar recompensas nesse capital inativo. Conforme diz, na visão dos institucionais também é menos arriscada do que participar em DeFi devido aos riscos associados a contrapartes e contratos inteligentes nessas plataformas.

“O principal risco no staking é o “slashing”, que ocorre quando um validador, como a Figment, vota em duas versões da realidade na blockchain. As instituições buscam fornecedores de staking que não só maximizem as recompensas, mas também minimizem o risco de slashing e a perda de capital inicial”, adiciona.

Sobre os institucionais oferecerem produtos ETFs ou ETPs que geram renda com staking, Colton Campbell tem uma visão otimista sobre o assunto.

Para manter a competitividade no mercado, Colton acredita que muitos dos fundos institucionais adotarão o staking como estratégia. No entanto, existem desafios significativos, principalmente no lado da conformidade e regulatório.

Ele comenta que esse tipo de produto já existe ao redor do mundo, mas nos Estados Unidos pode demorar mais por conta do cenário regulatório. “Na verdade, a Figment acabou de lançar dois ETPs recentemente, um para staking de Ethereum e um para staking de Solana. Mas nos EUA ainda estamos esperando’, disse.

Renda passiva cripto no Bitcoin é viável?

Campbell comenta sobre sua visão do ecossistema de finanças descentralizadas (DeFi) no Bitcoin. Ele explica primeiro que, o Bitcoin tem uma linguagem de script que não é Turing completa, o que limita a criação de aplicações DeFi diretamente em sua blockchain.

No entanto, ele ressalta que as soluções de Layer 2 (segundas camadas), como Stacks e Babylon, estão criando oportunidades para que os detentores de Bitcoin participem de DeFi.

“Esses L2s permitem que os ativos sejam transferidos de forma permissionária e centralizada para onde possuem linguagens de programação próprias, possibilitando um ecossistema DeFi mais robusto”, diz.

O engenheiro diz que à medida que mais L2s se desenvolvem e os desenvolvedores se familiarizarem com essas tecnologias, veremos um grande mercado se formando. “Estou curioso para ver quais vão destacar-se”, finaliza.

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Trader faz US$ 6.500 virar US$ 5,6 milhões com criptomoedas meme do Trump após ele falar bem do mercado “O único defensor do livre mercado no mundo é bizarramente da Argentina”, diz ex-gestor de George Soros Instituto mobiliza BTG e Starlink, de Musk, para garantir internet em meio a enchentes no RS Bybit começa a oferecer renda passiva em dólar descentralizado Baleia de Bitcoin acorda após 10 anos e move US$43,9 milhões que comprou por US$2 dólares