Participe da
Comunidade Ícone Whatsapp
Notícias

Carros autônomos estão sendo usados como motel

Vale ressaltar, e lembrar os devassos e devassas, que as empresas de robotáxi atualmente usam câmeras de vigilância dentro e fora de seus carros.

O portal The San Francisco Standard noticiou uma atividade comum entre os usuários de carros autônomos, os robôtaxis, em São Francisco. Nesse sentido, o site relata que a medida em que o serviço se populariza, mais passageiros praticam atividades sexuais com seus parceiros dentro do veículo.

Desse modo, em um carro onde não existe motorista, parece surgir o ambiente perfeito para levar o parceiro em uma viagem repleta de carícias e amassos. O site conta a história de Megan, uma mulher de 20 anos, que fez seu primeiro passeio de robotáxi em uma recente excursão noturna.

Faça parte da Comunidade BLOCKTRENDS PRO e lucre em cripto com relatórios semanais, análises diárias, sinais e lives exclusivas.

Portanto, também foi a primeira vez que ela fez sexo em um veículo sem motorista. O Standard não fornece as datas exatas das traquinagens dos pilotos para proteger sua privacidade, mas verificou que as viagens ocorreram por meio de documentação. Seja um passeio rapidinho, ou uma viagem de horas, a prática está aumentando entre os aventureiros sexuais de São Francisco.

Motel sobre quatro rodas

Os nomes foram alterados devido às preocupações com a privacidade dos passageiros.  “Entramos e fomos direto ao assunto, dando uns amassos”, disse Megan, que entrou no Cruise vestindo apenas um robe. “Uma coisa levou à outra, e ele garantiu que eu fosse cuidado, por assim dizer. … Eu estava tipo, ‘Não estou sem calcinha e estou pronto para usar esse quimono.’ E eu estava usando os chinelos dele que eram cinco números maiores.”

Além disso, Megan não foi nem de longe a única, ou a última, a ceder seus desejos sexuais dentro de um carro autônomo. Seu parceiro de aventuras na época, Alex realizou pelo menos seis atos sexuais separados em robotáxis, variando de sessões de amassos improvisadas a “atividades completas [sexo], sem limites”, um total de três vezes em um carro Cruise. 

“Foi muito engraçado porque [o Cruise] ficou muito quente e embaçado a ponto de o para-brisa ficar completamente embaçado – em qualquer outro contexto, em qualquer outro veículo, isso seria um problema real”, disse Alex. 

Vale ressaltar, e lembrar os devassos e devassas, que as empresas de robotáxi atualmente usam câmeras de vigilância dentro e fora de seus carros. 

“Gravamos vídeo dentro do carro para maior segurança e suporte”, afirma Cruise em seu site. “Se algo acontecer durante o seu passeio, poderemos revisar a gravação para entender melhor o que aconteceu. Gravamos áudio apenas durante chamadas de suporte ativas.”

$100 de bônus de boas vindas. Crie sua conta na melhor corretora de traders de criptomoedas. Acesse ByBit.com

Notícias relacionadas



Mt. Gox move mais de US$ 9 Bilhões em Bitcoin após 6 Anos Donald Trump vira bitcoiner e quer conceder perdão presidencial ao criador da Silk Road Trader compra US$ 1,1 milhão em memecoin, e agora tem US$ 150 Elon Musk cria US$ 30 bilhões do nada com IA do Twitter Trader faz US$ 6.500 virar US$ 5,6 milhões com criptomoedas meme do Trump após ele falar bem do mercado